Coluna Safety-car, por Felipe Giacomelli: Esperança

O que realmente podemos considerar como sucesso da F3? É colocar algum garoto no caminho da F1, Indy ou outro campeonato top ou ter um grid cheio e competitivo em todas as etapas?

É muito fácil escrever um texto de apresentação da F3 Sul-americana, basta copiar o que eu já havia dito no ano passado, no retrasado e três, quatro, cinco anos atrás. O tema não muda em nada. Mais uma vez, o principal campeonato de base do Brasil começa com a esperança de retornar aos velhos tempos e conseguir revelar pilotos de qualidade.

Mas o que realmente podemos considerar como sucesso da F3? É colocar algum garoto no caminho da F1, Indy ou outro campeonato top ou ter um grid cheio e competitivo em todas as etapas? As duas coisas, obviamente, até porque elas estão correlacionadas. Caso a categoria consiga reunir vários carros e equipes, consequentemente a chance de revelar algum jovem promissor estatisticamente é maior.

Guilherme Silva foi um dos bons pilotos revelados pela F3 recentemente (Foto: Divulgação)

Entretanto, uma coisa não depende necessariamente da outra. Há dois anos, a F3 teve apenas sete pilotos disputando mais ou menos de forma completa um bizarro campeonato que começou em março, no Velopark, teve um hiato de quatro meses sem corrida e foi encerrado em dezembro, nove meses após o início. Portanto, um cenário terrível para o desenvolvimento de qualquer atleta.

Só que dos sete pilotos, dois garotos vingaram: Guilherme Silva, que terminaria aquele ano como campeão da F-Futuro e terceiro colocado da F3, e Bruno Bonifácio, campeão da F3 Light (onde competiu literalmente sozinho), antes de se mudar para a Europa.

De uma forma simbólica e até mesmo coincidente, este fim de semana também marca o pontapé inicial da temporada 2013 desses dois garotos na Europa. Ambos estão inscritos para a disputa da F-Renault Alps, na pista de Vallelunga, na Itália.

Silva, da poderosa equipe Koiranen, vai disputar apenas algumas corridas desse campeonato, já que o foco maior é vencer o Europeu. Apesar disso, ele é favorito absoluto à corrida deste fim de semana por ter se destacado nos treinos coletivos de pré-temporada, quando chegou a superar até mesmo o companheiro de equipe, Nyck De Vries, do programa da McLaren.

Bonifácio, por sua vez, vai participar dos dois campeonatos da F-Renault. Se no Europeu o buraco é mais embaixo, ele assume o posto de piloto a ser batido na Alps. Durante os treinos coletivos deste certame, a equipe Prema – com a qual compete – dominou amplamente as atividades, sendo sempre cerca de 1s mais rápida que as adversárias.

Como o brasileiro estava testando pelo torneio continental, quem guiou o carro do time italiano foi o jovem Antonio Fuoco – da Academia da Ferrari – que estreia nos monopostos neste ano. Se o novato foi mais rápido que o restante do grid, imagina o que um veterano de três temporadas com esse tipo de carro pode fazer?

Dito isso, a F3 Sul-americana começa 2013 de olho em um passado distante, em que a cada ano conseguia revelar de cinco a dez pilotos, sendo que dois ou três chegavam à F1. Entretanto, se ela conseguir repetir um desempenho não tão longínquo – como o de 2011 – e colocar em evidência um ou outro jovem valor já estará de bom tamanho.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube