Dominante em Interlagos, Guimarães diz que corrida 1 da F3 Sul-americana serviu como treino

O piloto da Hitech disse que aproveitou a vantagem que tinha para os demais adversários para andar de forma constante e cuidando dos pneus. Depois, com toda a diferença, fez questão de marcar a melhor volta da prova no dinal

Felipe Guimarães realmente não teve adversários na primeira bateria da etapa de Interlagos da F3 Sul-americana, disputada neste sábado (6), ao vencer com uma vantagem de 58s para Raphael Raucci. Evidentemente satisfeito com o resultado, o piloto erradicado em Brasília disse que aproveitou a distância que detinha para forçar o ritmo e usar a corrida como um treino.

“A prova foi ótima”, disse o piloto com exclusividade ao Grande Prêmio. “A gente fez uma largada excelente e depois eu coloquei um ritmo bem forte, até mesmo para treinar, da primeira à ultima volta, mas tentando conservar o pneu para durar muito tempo virando em uma constância boa. No final, eu vi que tava bem e forcei um pouco mais para virar bem na última volta”, acrescentou.

Felipe Guimarães disse ter usado a corrida como um treino (Foto: Felipe Tesser / Grande Prêmio )

Embora tenha sido imbatível neste sábado, essa não é a primeira vez que Guimarães domina uma corrida da F3 Sul-americana. Isso aconteceu tanto na temporada passada, quanto em algumas baterias do F3 Open, realizado em janeiro. Entretanto, algumas quebras mecânicos o impediram de conquistar um resultado melhor em outras ocasiões.

Dessa vez, porém, deu tudo certo, e o piloto pôde celebrar a vitória. Dessa forma, Felipe disse que os mecânicos, como sempre, trabalharam duro para assegurar que nenhum problema acontecesse.

“Acho que todo mundo trabalhou bem neste fim de semana. Claro que há corridas em que por mais que você faça tudo certinho quebra o motor, quebra o câmbio. Mesmo revisando tudo direitinho, acontece de quebrar. Acho que foi isso o que aconteceu no ano passado. Agora todo mundo fez o trabalho correto e deu tudo certo”, encerrou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube