F3

‘Herdeira’ da F3 Euro e com só seis pilotos confirmados, Euro Masters tem temporada inaugural cancelada

Sem atrair interesse após fusão da F3 Europeia com a GP3, Fórmula European Masters fracassa, acerta com seis pilotos faltando 41 dias para início de temporada e é cancelada pelo DTM, onde seria categoria de suporte. A informação é do site norte-americano 'Motorsport.com'

Grande Prêmio / Redação GP, de Campinas
A recém-criada Fórmula Euro Masters foi cancelada. A categoria seria a substituta da F3 Europeia, que se fundiu com a GP3 para formar Mundial de Fórmula 3, que servirá de suporte para a Fórmula 1 e a Fórmula 2. A informação é do site norte-americano 'Motorsport.com'. A realização da série já estava em risco.
 
O novo campeonato serviria de suporte para o DTM, o campeonato de turismo alemão, que perdeu a F3 Europeia como divisão de base. Os planos eram de que o campeão recebesse uma chance de testar na Super Fórmula e também na série germânica. A primeira etapa da temporada inaugural estava marcada para o dia 3 de maio, em Hockenheim.
O DTM perdeu seu evento suporte para 2019 (Foto: DTM)
Chefe do DTM, o ex-piloto Gerhard Berger até prometeu apoio para as equipes que seguiam no modelo que seria semelhante à extinta categoria, só que, com apenas seis pilotos confirmados para a temporada e primeiro teste coletivo marcado para a próxima segunda-feira, a solução foi cancelar a Euro Master.
 
Entre os pilotos confirmados estavam Liam Lawson e Yuki Tsunoda, que fazem parte do programa de jovens pilotos da Red Bull, e a alemã Sophia Flörsch, que ficou conhecida pelo grave acidente sofrido no GP de Macau de 2018. As equipes Motopark, Fortec e Van Amersfoot devem partir para a Euroformula Open.