F3

Hughes aproveita punição a Shwartzman e vence corrida 2 da F3 na Áustria

O britânico de 25 anos venceu pela primeira vez na temporada 2019 da F3, dividindo o pódio com Jehan Daruvala e Robert Shwartzman, que foi punido após toque com Marcus Armstrong. O melhor brasileiro da corrida foi Felipe Drugovich, em 14º, com Pedro Piquet terminando logo atrás

Grande Prêmio / Redação GP, de Sumaré
Jake Hughes venceu a corrida 2 da Fórmula 3 na etapa da Áustria. Na manhã deste domingo (30), o britânico de 25 anos tirou proveito de uma punição imposta ao russo Robert Shwartzman, que tocou no carro de Marcus Armstrong, seu companheiro de equipe na Prema, para levar a vitória para a HWA, equipe parceira da Mercedes na categoria.
 
Hughes tomou a ponta logo na largada depois de ter superado o pole Lirim Zendeli, que retomou a liderança pouco depois. Por sua vez, Pedro Piquet escapou na saída da curva 1, rebatizada como Niki Lauda, e caiu para o fim do pelotão.
 
Ainda na frente, Zendeli não tinha ritmo bom o bastante para abrir vantagem e via um pelotão de carros se aproximar. Armstrong e Shwartzman vinham logo atrás, com Vips aparecendo em quinto.
Jake Hughes tomou a ponta na largada na Áustria (Foto: FIA F3)
Armstrong e Shwartzman, os dois pilotos da Prema, lutavam ferozmente, com o australiano conseguindo se sustentar à frente. Mas em uma manobra ousada, o russo retardou a freada na curva 3 e fez a ultrapassagem para assumir a terceira colocação.
 
A partir de então, o alemão Zendeli perdeu performance de vez e foi ultrapassado por Hughes, Shwartzman e Armstrong, que se colocava em terceiro. O australiano passava a pressionar novamente o companheiro de equipe. O ritmo era verdadeiramente forte dos carros da Prema, e os dois conseguiram passar Hughes quando restavam cinco voltas para o fim.
 
Era o britânico quem acompanhava de camarote a briga pela ponta entre os dois carros da Prema. Armstrong atacava o russo no início de uma grande batalha pela ponta. O duelo só teve fim na última volta.
Shwartzman e Armostrong se tocam na última volta no lance capital da corrida (Foto: Reprodução)
Na curva 3, os dois pilotos da Prema se tocaram, com Armstrong levando a pior a ter um pneu furado. Shwartzman, mesmo com um dano na asa dianteira, seguiu para cruzar a linha de chegada em primeiro. Entretanto, o russo foi puído em 5s pela direção de prova, caindo assim para terceiro. A vitória acabou ficando mesmo com Hughes, que teve Jehan Daruvala em segundo.
 
Em meio a um grid de 30 carros, os brasileiros ficaram no meio do pelotão, com Felipe Drugovich em 14º e Pedro Piquet logo atrás.
 
A liderança da temporada continua nas mãos de Shwartzman, com 90 pontos, contra 82 de Daruvala e 63 de Vips, que terminou em sexto lugar neste domingo. Marcus Armstrong é o quarto, com 54, à frente de Max Fewtrell, quarto colocado na corrida 2, e Pedro Piquet. Vencedor do dia, Hughes agora é o sétimo, com 29 tentos.
 
A quarta rodada dupla da temporada 2019 da F3 está marcada para os dias 12 e 13 de julho, em Silverstone.
 


Paddockast #23
Lágimas em Le Mans




Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.