Inglesa: Lynn supera Jaafar e conquista primeira vitória da carreira na categoria em Silverstone

Alex Lynn ganhou a terceira corrida da etapa de Silverstone da F3 Inglesa. No entanto, Jaafar foi o grande vencedor da etapa ao assumir a liderança do campeonato faltando apenas uma rodada para o final

 

Alex Lynn finalmente conquistou a primeira vitória da carreira na F3 Inglesa. Depois de perder a vitória por ter queimado a largada no sábado, o inglês voltou a ter um forte desempenho dominante neste domingo (9), em Silverstone, para enfim subir ao degrau mais alto do pódio. No entanto, a tarefa não foi nada fácil, já que o britânico só assumiu a ponta quando faltavam apenas três voltas para o final.

Na realidade, quem largou na pole-position foi o próprio Lynn, mas Jaafar tracionou melhor e se aproveitou do vácuo do rival para assumir a primeira colocação. Harry Tincknell e Carlos Sainz Jr. também conseguiram deixar o piloto da Fortec para trás.

 

Alex Lynn conquistou a primeira vitória na F3 Inglesa (Foto: F3 Inglesa)

Aí começou a reação do inglês. Na segunda volta, o piloto retomou a terceira colocação de Sainz e passou a pressionar Tincknell, que acabou superado no giro seguinte. A partir daí, Lynn começou a caçar Jaafar. A perseguição durou 11 voltas, até que o britânico conseguiu colar no adversário.

Faltando três giros para o final, o piloto da Fortec realizou a ultrapassagem e pôde seguir livre rumo à bandeira quadriculada para comemorar a primeira vitória da carreira na F3 Inglesa.

Jaafar terminou em segundo, mas saiu de Silverstone como o grande vencedor do final de semana. O malaio chegou à etapa com um déficit de 20 pontos na classificação, mas agora está na liderança da tabela, com uma vantagem de seis pontos para Félix Serralles, o segundo colocado. Com 23 pontos atrás do piloto asiático, Jack Harvey também está na briga pela taça.

A terceira colocação na prova ficou com Tincknell, enquanto Hannes Van Asseldonk superou Sainz no duelo pelo quarto lugar. Pietro Fantin, em sexto foi o piloto brasileiro mais bem classificado.

Felix Serralles terminou em sétimo, mas não teve muitos motivos para comemorar. O piloto sofreu um forte acidente no final da prova, quando o carro da Fortec chegou a decolar. Por causa do impacto, o porto-riquenho passou a reclamar de dor nas costas, mas mesmo assim conseguiu chegar ao final da prova. Tão logo estacionou, a equipe médica o tirou do carro e o encaminhou ao hospital para fazer exames mais detalhados, onde ficou constatado apenas alguns arranhões no cóccix.

Harvey, Rupert Svendsen-Cook e Geoff Uhrhane completaram o grupo dos dez primeiros. Spike Goddard foi o vencedor na National Class.

Com os resultados de Silverstone, apenas Jaafar, Serralles, Harvey e Sainz têm chances de ficar com o título. A decisão acontece nos dias 29 e 30 de setembro, em Donington Park.

F3 Inglesa, Silverstone, corrida 3:

 

 

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube