Lawson vence corrida 2 da Fórmula 3 na Áustria. Fittipaldi termina em nono

O neozelandês largou em quinto para garantir seu primeiro triunfo na categoria. Enzo mostrou recuperação após sair de 18º

A Fórmula 3 abriu o domingo (5) no Red Bull Ring, com a corrida 2 do final de semana. Após largar da quinta colocação, Liam Lawson, pupilo do programa júnior Red Bull, conseguiu a primeira vitória na categoria na prova em grid invertido.

Assim que foi dada a largada no circuito austríaco, o piloto neozelandês logo tratou de pular para quarto, com Alexander Smoylar fazendo saída ruim. Logo depois, consumou a ultrapassagem em cima de Richard Verschoor na reta para a curva 3 para subir mais um ponto.

Clement Novalak foi quem começou da pole-position e manteve a ponta nos primeiros giros, enquanto David Beckmann vinha logo na sequência. Lawnson completava o top-3 do pelotão.

Na quarta volta, então, Beckmann aproveitou o vácuo de Novalak na curva 4 para superar o atual campeão da Fórmula 3 Britânica e tomar a liderança. O adversário tentou dar o troco no giro seguinte, mas acabou cometendo um erro e abriu demais, o que permitiu também ao piloto da Hitech pular para segundo.

Liam começou a atacar David, que tentava fechar a porta para o rival. Mas na curva 4 da volta sete, no ponto de frenagem, o neozelandês conseguiu superar o ponteiro e assumiu a primeira colocação da corrida.

O pódio deste domingo (Foto: Fórmula 3)

Quando a corrida atingiu sua metade, houve um período de safety-car. Alex Peroni estava em oitavo quando seu carro perdeu velocidade e Theo Pourchaire, décimo, acabou acertando a traseira do australiano.

Corrida recomeçada, Lawson já tinha 2s de vantagem para o restante do pelotão. Enquanto isso, Novalak era o segundo e Verschoor conseguiu ultrapassar Beckmann sem grandes problemas para se colocar em terceiro.

Quando Richard saltou para segundo ganhando mais uma posição, novamente o carro de segurança foi para a pista com quatro voltas para o fim. O motivo: Roman Stanek acertou uma placa e espalhou sujeira na pista.

A prova foi retomada com dois giros para a bandeira quadriculada. Lawson perdeu a margem que era de 1s5 e Verschoor colou em sua traseira. Entretanto, o piloto da Holanda não foi capaz de alcançar o neozelandês. Novalak completou o pódio.

Entre os brasileiros, Enzo Fittipaldi saiu de 18º para cruzar a linha de chegada na nona colocação e conseguir somar seus primeiros pontos da temporada. Enquanto isso, Igor Fraga cruzou a linha de chegada em 25º.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube