Sul-americana: no retorno à F3, Nunes domina de ponta a ponta no Rio de Janeiro

Vice-campeão da temporada 2008 da F3 Sul-americana, Pedro Nunes conquistou a vitória na primeira corrida da rodada dupla do Rio de Janeiro. Fernando ‘Kid’ Resende terminou em segundo após fazer uma prova de recuperação

Veteraníssimo da F3, Pedro Nunes não teve dificuldades para vencer a primeira corrida da etapa do Rio de Janeiro da F3 Sul-americana. Vice-campeão da temporada de 2008, o paulista dominou a prova de ponta a ponta para receber a bandeira quadriculada na frente e encerrar um jejum de triunfos que já durava quatro anos.

Nunes foi amplamente beneficiado pelos problemas de Fernando ‘Kid’ Resende na largada. O piloto da Cesário não teve uma boa primeira volta, caindo para a nona colocação e sendo obrigado a fazer uma corrida de recuperação.

Apesar disso, pouco a pouco o piloto do carro número 1 conseguiu abrir caminho no meio do pelotão para recuperar o segundo posto ainda antes da metade da corrida. Resende até foi capaz de tirar uma vantagem de 10s que Nunes detinha, mas quando ameaçou se aproximar o adversário da Hitech pisou fundo para receber a bandeira quadriculada na frente.

‘Kid’ terminou em segundo, enquanto André Pedralli, que também conseguiu avançar posições, completou o pódio. Higor Hoffmann encerrou na quarta colocação – e levando a vitória na categoria Light –, enquanto o estreante Luir Miranda ficou em quinto. O grupo dos dez primeiros ainda contou com Eduardo Banzoli, Leonardo de Souza, Gustavo Myasava, Raphael Raucci e Lucas de la Vega.

A segunda corrida da etapa do Rio de Janeiro da F3 Sul-americana está marcada para as 11h deste domingo.

F3 Sul-americana, Rio de Janeiro, corrida 1:

 

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube