FE

Buemi voa na Superpole e conquista pole-position para Nissan no eP de Berlim. Di Grassi é 3º

O treino de classificação para o eP de Berlim terminou com Sébastien Buemi na pole pela segunda vez na temporada 2018/19. O suíço desbancou Lucas Di Grassi, que liderava o treino até então. Stoffel Vandoorne ainda se colocou entre os dois e é segundo. Felipe Massa larga no 19º lugar

Grande Prêmio / PEDRO HENRIQUE MARUM, do Rio de Janeiro
Após os treinos livres da sexta-feira apontarem a DS Techeetah, a Jaguar e a Venturi como favoritas prováveis para o fim de semana, o sábado (25) chegou com outros planos. Entre as três equipes, apenas Alex Lynn foi à Superpole e terminou na quinta colocação. Mas a disputa pela posição de honra foi disputada por dois velhos rivais: Sébastien Buemi e Lucas Di Grassi. O suíço levou a melhor. No Aeroporto de Tempelhof, em Berlim, Buemi anotou a segunda pole na temporada.
 
O segundo lugar ficou com Stoffel Vandoorne, o mais rápido da fase de grupos do treino e último a andar na Superpole: ele superou Di Grassi, que tinha liderado até a volta de Buemi. Lucas é o terceiro e tem Gary Paffett ao lado na segunda fila.
 
Lynn e Alexander Sims fecharam a lista dos pilotos que lutaram pela pole. Daniel Abt, António Félix da Costa, Jean-Éric Vergne e Jérôme D'Ambrosio fecharam o top-10. Felipe Massa anotou a 19ª colocação. Vice-líder do campeonato, André Lotterer não conseguiu abrir a volta lançada quando saiu no primeiro grupo e acabou com a última posição.

A largada está marcada para as 8h03 (de Brasília).
Sébastien Buemi (Foto: Nissan)
Confira como foi a classificação:

Grupo 1 - Jean-Éric Vergne, André Lotterer, Robin Frijns, António Félix da Costa e Lucas Di Grassi
 
Após mais de três minutos de espera quem cortou a fita e inaugurou a pista foi o líder do campeonato, Vergne. Depois vieram Lotterer e Di Grassi, e aí Da Costa e Frijns completaram o grupo dos líderes. Mas Vergne foi arrastando o carro na volta de instalação e permitiu que Di Grassi se aproximasse e fizesse a ultrapassagem.
 
Todos estavam na pista quando o cronômetro zerou, mas Lotterer foi lento demais na volta mais lenta e não abriu a volta lançada a tempo. Já caiu, assim, para as últimas colocações.
 
Di Grassi foi bem e colocou 1min07s9 no relógio, enquanto Da Costa e Vergne não ficaram sequer 0s1 atrás. Frijns foi bem mal, terminando 1s atrás. 
 
Grupo 2 - Mitch Evans, Jérome D'Ambrosio, Oliver Rowland, Daniel Abt e Sam Bird
 
O primeiro a abrir volta rápida foi Rowland, que não conseguiu superar os três ponteiros do grupo inicial, em 1min08s1. Evans foi pior que ele, caindo na casa de 1min08s3. Entre os dois ficou Bird, na sétima colocação após os dez primeiros colocados.
 
D'Ambrosio e Abt começaram a volta de instalação já numa luta por espaço que parecia disputa por ultrapassagem. Abt terminou por último e foi melhor, colando em Di Grassi e deixando as duas Audi na dianteira. D'Ambrosio foi para o quinto posto, melhor que o resto da chave.
Felipe Massa (Foto: Venturi)
Grupo 3 - Edoardo Mortara, Pascal Wehrlein, Sébastien Buemi, Stoffel Vandoorne e Alexander Sims e Felipe Massa
 
Sims repetiu o que ele havia feito semana passada e correu para a pista assim que a luz do pit-lane ficou acesa. Funcionou para ele, que anotou 1min07s728 e pulou para a dianteira. Vandoorne faria ainda melhor um pouco mais tarde, cravando 1min07s619 e liderando.
 
Buemi não guiou para a liderança geral, mas pulou para o segundo posto - na frente inclusive de Sims. As Venturi, que impressionaram nos treinos livres da sexta-feira, não corresponderam: Mortara e Massa foram, respectivamente, 12º e 14º separados por 0s1. Massa chegou a relar no muro duas vezes e acabou por perder muito tempo. Em nono, Wehrlein também não conseguiu impressionar em casa.
 
Grupo 4 - Max Günther, Gary Paffett, Oliver Turvey, Alex Lynn, José María López e Tom Dillmann
 
O último grupo, que por várias vezes não incomoda os pilotos da Superpole, desta vez fez diferente. Paffett conseguiu subir para o quarto posto e pôs a segunda HWA no top-6. Lynn seguiu o mesmo caminho e ficou logo atrás, tirando Abt da chance de lutar pela pole. 
 
Tirando os dois, os outros quatro nomes terminaram na parte final do grid. Turvey foi 14º, seguido por Günther em 15º, Dillmann em 17º e López na 20ª colocação.

Desta forma, a Superpole ficou com Vandoorne, Buemi, Sims, Paffett, Lynn e Di Grassi.
Alexander Sims (Foto: BMW)
Superpole
 
Após escapar do grupo 1, Di Grassi foi o primeiro na pista e andou bem forte. Melhorou o tempo de mais cedo e, com 1min07s719, cravou uma volta concorrente à pole. Lynn também melhorou, mas ficou cerca de 0s13 atrás do piloto da Audi. Paffett se colocou entre os dois, ao passo que Sims foi o único que caiu para a casa de 1min08s. 
 
Faltavam os dois últimos pilotos na pista. Buemi foi absolutamente voador: anotou 1min07s295. Vandoorne também repetiu a boa atuação da fase anterior e melhorou seu tempo, mas nada perto ao que Buemi anotou. Segunda posição para o belga.

Fórmula E, eP de Berlim, Treino de Classificação, Final:

1 S BUEMI Nissan 1:07.295  
2 S VANDOORNE HWA Venturi 1:07.693 +0.398
3 L DI GRASSI Audi 1:07.719 +0.424
4 G PAFFETT HWA Venturi 1:07.783 +0.488
5 A LYNN Jaguar 1:07.849 +0.554
6 A SIMS BMW 1:08.017 +0.722
7 D ABT Audi 1:07.953 +0.658
8 A FÉLIX DA COSTA BMW 1:08.013 +0.718
9 J.E VERGNE DS Techeetah 1:08.046 +0.751
10 J D'AMBROSIO Mahindra 1:08.065 +0.770
11 P WEHRLEIN Mahindra 1:08.086 +0.791
12 O ROWLAND Nissan 1:08.119 +0.824
13 S BIRD Virgin Audi 1:08.182 +0.887
14 O TURVEY NIO 1:08.203 +0.908
15 M GÜNTHER Dragon Penske 1:08.218 +0.923
16 E MORTARA Venturi 1:08.223 +0.928
17 T DILLMANN NIO 1:08.263 +0.968
18 M EVANS Jaguar 1:08.314 +1.019
19 F MASSA Venturi 1:08.348 +1.053
20 J.M LÓPEZ Dragon Penske 1:08.720 +1.425
21 R FRIJNS Virgin Audi 1:08.919 +1.624
22 A LOTTERER DS Techeetah 1:12.568 +5.273


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.