Campeão, De Vries se emociona com título em eP de Berlim onde “ninguém respeitou nada”

Mesmo próximo do título, Nyck de Vries se envolveu em disputas de roda com roda no fim do eP de Berlim. Depois, mais calmo, falou sobre a conquista

Mitch Evans, com chances grandes de título, não conseguiu largar e foi atingido em cheio por Edoardo Mortara (Vídeo: Fórmula E)

A Fórmula E tem um novo campeão: Nyck de Vries. Após conseguir somente a 13ª posição par a largada, atrás dos principais postulantes ao título, as coisas pareciam se dificultar para o holandês, mas o céu abriu muito rapidamente na segunda corrida do eP de Berlim, neste domingo (15). Em duas voltas, os três rivais mais próximos abandonaram. Foi a tônica de uma corrida sem muito respeito.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Ao menos foi uma das coisas que disse De Vries logo após a prova. Perto do fim da corrida, o piloto da Mercedes se envolveu numa sequência de brigas num bolo que também contava com o companheiro Stoffel Vandoorne, Pascal Wehrlein, André Lotterer, Alexander Sims, Sam Bird e René Rast.

Além da puxada de orelha no pelotão, afirmou ter ficado incomodado com a falta de clareza da equipe ao explicar o que ele tinha de fazer. E a emoção deu o ar da graça, claro.

“Não tenho palavras, estou começando a ficar emocionado”, disse tentando segurar o choro.

Nyck De Vries no alto do pódio do campeonato (Foto: FIA Fórmula E)

“Foi uma temporada tão difícil, com altos e baixos, todo mundo mais ou menos no mesmo barco e tudo veio para ser resolvido na última corrida. Tivemos sorte com tudo que aconteceu. Estou feliz que estão todos bem após o incidente da largada [a batida entre Edoardo Mortara e Mitch Evans] e, creio, tivemos uma corrida ótima. O ritmo do carro era muito bom, mas, ao mesmo tempo, estava complicado demais, ninguém estava respeitando nada. Eu só queria trazer [o carro] para casa. Em algum momento, soube que estava tudo bem. É, conseguimos”, afirmou.

“O pessoal estava dizendo ‘lute com JEV [Vergne], é importante’, e eu perguntei por que era importante, estava ficando frustrado que eles não queriam me dizer. Depois, continuaram só me dando as instruções de ir para frente, esquerda e direita… Não fiquei tão feliz com isso, foi o motivo de eu ter terminado a corrida meio resmungão. Agora está começando a cair a ficha”, finalizou.

De Vries se torna, assim, o sexto campeão em sete temporadas da história da Fórmula E e entra para o rol que conta com Nelsinho Piquet, Sébastien Buemi, Lucas Di Grassi, Jean-Éric Vergne e António Félix da Costa.

COMO SAÍDA DA AUDI DEIXA VAZIO NO GRID DA FÓRMULA E

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar