Da Costa se entrega e recebe troféu por pole em Berlim no estilo ‘churros do Chaves’

António Félix da Costa entregou o troféu a si mesmo após fazer a pole-position em Berlim. Cena lembrou icônico episódio de Chaves em que o protagonista compra e vende churros de si mesmo

A Fórmula E volta da paralisação da pandemia com protocolos revisados. O pole-position, por exemplo, já não pode mais receber o troféu das mãos de um representante da categoria. Foi a deixa para António Félix da Costa tirar onda após o treino classificatório desta quarta-feira (5): no melhor estilo ‘churros do Chaves’, o piloto se entregou o caneco.

Na cerimônia, Da Costa primeiro fingiu dar o caneco, depois correndo para o outro lado, pegando-o. A cena lembra o icônico episódio de Chaves em que o protagonista vende e compra churros de si mesmo.

A leveza de Da Costa é compreensível. O piloto partiu para a série de seis corridas em nove dias já líder do campeonato. Logo de cara, começou mostrando quem manda: ao fazer a pole-position e ser o mais rápido na fase de grupos da classificação, o português somou 4 pontos numa tacada só e chegou a 71. A vantagem sobre Mitch Evans, vice-líder com 56, chega a 15 tentos.

Na largada, o principal oponente de Da Costa será justamente o companheiro de equipe Jean-Éric Vergne. O francês larga em segundo, fechando dobradinha da Techeetah e precisando de um bom resultado para entrar de vez na luta pelo título. Com Evans largando em nono, António tem boas chances de fechar o dia com folga ainda maior na liderança.

António Félix da Costa deu uma de Chaves em Berlim (Foto: Reprodução)

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube