Loeb reconhece força da equipe de Rosberg, mas celebra pole sem erros na Extreme E

Comandado de Lewis Hamilton na Extreme E, Sébastien Loeb comemorou a pole-position conquistado ao lado de sua companheira de X44, Cristina Gutiérrez, no XPrix da Arábia Saudita

Claudia Hürtgen sofreu um acidente assustador durante a classificação da Extreme E na Arábia Saudita (Vídeo: Extreme E)

Sébastien Loeb, nove vezes campeão do mundial de rali, e agora piloto da X44 na Extreme E, celebrou a pole-position obtida no primeiro XPrix da história da categoria, na Arábia Saudita. Loeb ressaltou as voltas limpas que a equipe teve ao longo dos treinos classificatórios da manhã deste sábado (3) como fundamentais para a conquista do lugar de honra para a semifinal 1 deste domingo.

O francês, apesar de encarar a RXR, de Nico Rosberg, como uma forte adversária, afirmou que o bom desempenho da X44 já era esperado. “Não é uma surpresa. Com toda certeza estávamos esperando brigar pela vitória aqui. Mas a disputa na classificação foi bem intensa. A equipe do Rosberg [RXR] estava realmente rápida, talvez um pouco mais rápida que nós no geral. Mas não queríamos ir muito ao limite, porque vimos muitas batidas e problemas. Esperávamos apenas fazer voltas limpas e conseguimos. Nós esperávamos que a equipe do Rosberg fosse nossa adversária. Eu duelei com o (Johan) Kirstoffersson muitas vezes no mundial de rali. E conheço a Molly (Taylor), que também é muito rápida”, afirmou.

Propriedade de Lewis Hamilton, a X44 reedita, na Extreme E, uma antiga rivalidade do heptacampeão mundial de Fórmula 1 com Nico Rosberg, proprietário da RXR, que finalizou a classificação na terceira colocação, após ser punida em 12 segundos.

“No fim, eles cometeram um erro na troca de pilotos e foram penalizados. Eu realmente briguei com o carro para mantê-lo reto e na linha. Estou feliz com a classificação porque fizemos a pole”, seguiu.

X44 é a equipe de Lewis Hamilton na Extreme E (Foto: Reprodução)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

“Como todo mundo teve problemas, nós tivemos uma classificação sem erros e estamos muito felizes. É importante não errar nesta pista, pois ela tem várias falhas e buracos. A cada vez que passamos, fica pior, por isso é importante andar limpo”, finalizou o piloto.

No domingo (4), a partir das 3h (horário de Brasília), serão realizadas as semifinais e a ‘crazy race’. Já ás 7h (horário de brasília), a categoria realiza seu primeiro XPrix da Arábia Saudita.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube