carregando
FE

Nissan muda diretoria, tira Carcamo do esporte e troca supervisor na Fórmula E

A companhia anunciou que o diretor de esportes da Infiniti, Tommaso Volpe, vai unificar o cargo na Nissan e passará a ser a figura principal do programa da Fórmula E. Volpe substitui Michael Carcamo, que passa para outra área da fábrica após cinco anos na chefia dos assuntos esportivos

Grande Prêmio / Redação GP, do Rio de Janeiro
A Fórmula E está totalmente parada após a suspensão do campeonato por um período de dois meses, em virtude da pandemia do coronavírus, mas as notícias não secaram totalmente. A Nissan anunciou uma mudança em posições de chefia e tirou Michael Carcamo da supervisão do trabalho na categoria dos carros elétricos. Tommaso Volpe será o substituto como diretor mundial de esporte a motor e é o novo cabeça do programa da FE.
 
A mudança foi anunciada para esta semana e toma efeito no próximo dia 1º de abril. Volpe ocupa a posição de diretor mundial de esportes e projetos de performance na Infiniti, braço de carros de luxo da Nissan com base em Hong Kong. 
 
Carcamo estava na posição desde 2015 e foi quem cuidou de todo o processo de ingresso da companhia japonesa na Fórmula E, substituindo a Renault, em 2018. Agora, irá para o Japão, na sede original da Nissan, para supervisionar a divisão de carros esportivos de rua. 
Tommaso Volpe (Foto: Infiniti)
"Estou orgulhoso por trazer à vida a visão de mobilidade elétrica da Nissan durante o trabalho com a equipe da FE, que atingiu seis pole-positions, seis pódios, foi o melhor time nas classificações e ainda teve o melhor novato do ano. Também buscamos a primeira vitória da Nissan, no eP de Nova York, e Sébastien Buemi ficou com o vice-campeonato", lembrou Carcamo.
 
"A jornada desde [a formatação do] conceito até as corridas levou quatro anos de esforços sólidos e recompensas. Quero agradecer a todos na equipe", concluiu.
 
Além da Fórmula E, Volpe será o responsável por cuidar dos programas da NISMO - divisão esportiva da Nissan - relacionada a protótipos, no Super GT e na GT3. Além disso, seguirá na posição que tem na Infiniti e onde costurou o acordo para que a companhia seja parceira técnica da equipe de F1 da Renault. 
 
"A equipe da Fórmula E atingiu grandes feitos graças ao trabalho duro de Michael Carcamo e todo o pessoal. Nissan e a NISMO continuarão competindo nesta temporada com a FE e o novo Nissan GT-R NISMO GT500 como os dois pilares principais do nosso trabalho e programas de esporte a motor de fábrica. E, claro, a Infiniti irá novamente buscar seu programa mundial de ativação", afirmou em comunicado.
 
Por conta da pandemia, não está claro quando Volpe irá acompanhar a primeira corrida dele no novo cargo. 
 

 
Paddockast #54
NO ANO DA DANÇA DAS CADEIRAS, QUEM DEVE FICAR SEM CONTRATO?


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

COMO SE PREVENIR DO CORONAVÍRUS:
 
☞ Lave as mãos com água e sabão ou use álcool em gel.
☞ Cubra o nariz e boca ao espirrar ou tossir.
☞ Evite aglomerações se estiver doente.
☞ Mantenha os ambientes bem ventilados.
☞ Não compartilhe objetos pessoais.

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.