Presidente da FE, Agag revela teste positivo para Covid-19 e perde corrida 1 em Berlim

Fundador da Fórmula E e presidente da série elétrica, Alejandro Agag testou positivo para o novo coronavírus. O dirigente espanhol confirmou que está em isolamento em um hotel, em Berlim, onde a categoria abriu a primeira de seis etapas para finalizar o campeonato, nesta quarta-feira

A Fórmula E tem mais um caso positivo para o novo coronavírus. Trata-se do chefão da categoria elétrica, Alejandro Agag. O espanhol confirmou o teste positivo para a Covid-19 por meio de uma rede social, ao congratular António Félix da Costa pela vitória, nesta quarta-feira (5), na primeira das seis corridas que o campeonato programou para os próximos dias, como forma de fechar a temporada 2019/2020.

Agag também informou que está em isolamento em um quarto de hotel, em Berlim, na Alemanha, onde a Fórmula E está para a maratona no Aeroporto de Tempelhof. Além do dirigente, o chefe da Mahindra, Dilbagh Gill, também foi diagnosticado com a doença e desfalcou a equipe indiana.

Alejandro Agag testou positivo para o novo coronavírus em Berlim (Foto: FIA FE)

“Parabéns a António Félix da Costa pela grande vitória na corrida 1 de Berlim”, escreveu Alejandro.

“Tão triste perder a minha primeira corrida de Fórmula E, que tive de assistir do meu quarto em Berlim. Eu testei positivo para Covid na chegada a cidade e estou seguindo todos os excelentes protocolos que temos para manter todos em segurança. Saudades de todos no paddock!”, completou.

Como parte dos procedimentos sanitários, pilotos e membros das equipes foram submetidos a testes e tiveram de cumprir um isolamento de 36 horas antes de chegar ao Tempelhof.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube