Grande Prêmio

Melhores do ano 2018: Na disputa mais acirrada, Vettel fica com posto de decepção da temporada

Sebastian Vettel ficou com o posto de decepção do ano no automobilismo. Vice-campeão da F1, o alemão cometeu uma série de erros e recebeu mais votos na disputa mais acirrada da edição 2018 dos Melhores do Ano
Warm Up / GABRIEL CURTY, de São Paulo
 Sebastian Vettel (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
Não foi o ano de Sebastian Vettel. Grande candidato ao título de 2018 da F1 até boa parte da temporada, o alemão começou a errar sequencialmente e, assim, ainda ficou com o posto de decepção do ano, naquela que foi a votação mais apertada da edição dos Melhores do Ano.
 
Vettel teve 29,2% dos votos dos leitores do GRANDE PRÊMIO, seguido de perto pelos outros quatro finalistas. A McLaren, em seu primeiro ano sem a Honda, teve 26,4%, enquanto Valtteri Bottas, atropelado pelo companheiro Lewis Hamilton, recebeu 19,7% dos votos.
Sebastian Vettel foi eleito decepção do ano (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
Única presente na votação da categoria também em 2017, a Williams voltou a ter votação significativa, mas ficou com a quarta colocação com 13,6%. A Indy 500 recebeu 11,1% com sua edição pouco animada.
 
Decepção do ano:
 
Sebastian Vettel 29,2%
McLaren 26,4%
Valtteri Bottas 19,7%
Williams 13,6%
Indy 500 11,1%