De 1999 a 2014: confira pódios das 16 edições da Seletiva de Kart Petrobras

Se Sérgio Jimenez, Júlio Campos e Felipe Fraga se destacam entre os campeões da Seletiva, hoje vencendo provas na Stock Car, muitos dos pilotos derrotados pelos campeões do torneio também ganharam destaque. São os casos de Bia Figueiredo, Mário Romancini, Cesar Ramos, Roberto Streit, Ruben Carrapatoso, André Nicastro, dentre outros

16 edições, 13 campeões e 28 pilotos diferentes nos pódios. E muitos nomes que se tornaram conhecidos no automobilismo. Estes são alguns dos números da Seletiva de Kart Petrobras, que terá sua 17ª final nos dias 3 e 4 de novembro.

A maior parte dos campeões conseguiu avançar para outras categorias, mas os kartistas por eles derrotados também encontraram sua cota de sucesso. Bia Figueiredo e Mário Romancini, por exemplo, alcançaram a Indy no automobilismo norte-americano. Ruben Carrapatoso, vice em 2002, era o campeão brasileiro daquele ano e já tinha no currículo o título do Mundial de Kart. André Nicastro, mais tarde, se tornou o maior campeão do kart nacional. E por aí vai: Roberto Streit, Cesar Ramos, Gabriel Casagrande…

Confira a lista com todos os pódios da Seletiva de Kart Petrobras:

2014, Guaratinguetá (SP)
 
1) Pietro Rimbano (SP), 45 pontos
2) Vinicius Papareli (SP), 40 pontos
3) Matheus Leist (RS), 30 pontos
2013, Granja Viana (SP)
 
1) Olin Galli (RJ) 43 pontos
2) Matheus Leist (RS) 40 pontos
3) Pietro Rimbano (SP) 33 pontos
2012, Nova Odessa
 
1) João Vieira (TO), 46 pontos
2) Gabriel Casagrande (PR), 36 pontos
3) Johilton Pavlak (RN), 33 pontos
 
2011, Registro
 
1) Felipe Guimarães (DF), 52 pontos 
2) Gabriel Casagrande (PR), 36 
3) Guilherme Salas (SP), 31 
2010, Itu
 
1) Felipe Fraga (TO), 43 pontos
2) Guilherme Salas (SP), 37 pontos
3) Jonathan Louis (PR), 33 pontos
2009, Volta Redonda
 
1) Jonathan Louis (PR), 45 pontos
2) Leonardo Cordeiro (SP), 35 pontos
3) Vitor Teiji (PR), 33 pontos
2008, Granja Viana
 
1) Leonardo Cordeiro (SP), 48 pontos
2) Nicolas Costa (RJ), 39 pontos
3) Felipe Guimarães (DF), 34 pontos
2007, Piracicaba
 
1) Rafael Suzuki (SP) ­ 50 pontos
2) César Ramos (RS) ­ 38 pontos
3) Felipe Guimarães (DF) ­ 33 pontos
2006, Curitiba
 
1) Guilherme de Conto (PR), 40 pontos
2) Gabriel Dias (PR), 40 pontos
3) Cesar Ramos (RS), 38 pontos
2005, Brasília
 
1) Guilherme de Conto (PR), 32 pontos
2) Rafael Suzuki (SP), 30 pontos
3) Clemente Faria Jr. (MG), 25 pontos 
 
2004, Caraguatatuba (SP)
 
1) Rafael Daniel (SP), 38 pontos
2) Sérgio Jimenez (SP), 27 pontos
3) Mario Romancini (SP), 25 pontos
 
2003, Belo Horizonte (MG)

1) Rafael Daniel (SP), 31 pontos
2) Bia Figueiredo (SP), 27 pontos
3) André Nicastro (RJ), 27 pontos
2002, Granja Viana (SP)

1) Rafael Daniel (SP), 35 pontos
2) Ruben Carrapatoso (SP), 30 pontos
3) André Nicastro (RJ), 26 pontos
 
2001, Tarumã (RS)

1) Sérgio Jimenez (SP), 31 pontos
2) Júlio Campos (PR), 31 pontos
3) Rafael Daniel (SP), 29 pontos
2000, Curitiba (PR)

1) Júlio Campos (PR), 29 pontos 
2) Sérgio Jimenez (SP), 27 pontos 
3) Eduardo Dieter (RS), 19 pontos 
 
1999, Granja Viana (SP)

1) Danilo Dirani (SP), 80 pontos
2) Roberto Streit (RJ), 64 pontos
3) Marco Dorigon (PR), 52 pontos

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube