Pela 18ª na história, a decisão da temporada da classe rainha do Mundial de Motovelocidade chega à etapa final. Desta vez, Marc Márquez e Andrea Dovizioso se enfrentam em Valência pelo título da MotoGP

Pela 18ª vez nos 68 anos de história do Mundial de Motovelocidade, o título da classe rainha será definido na etapa final. No próximo fim de semana, Marc Márquez e Andrea Dovizioso se enfrentam no circuito de Valência pelo direito de colocar a placa de 2017 na Torre dos Campeões.

Após 17 etapas, é o piloto da Honda que sai na frente, com 282 pontos, 21 a mais que o rival da Ducati. A dupla, porém, venceu o mesmo número de vezes no ano: seis.

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;
//pagead2.googlesyndication.com/pagead/show_ads.js

Em um campeonato marcado pelo equilíbrio, a diferença mais gritante entre os dois aparece em termos de pódios e poles. Márquez foi segundo colocado em quatro ocasiões, enquanto Dovizioso ficou no segundo degrau do pódio em uma única oportunidade. Além disso, o #93 puxou a fila no grid da MotoGP sete vezes, ao passo que o italiano nunca esteve na posição de honra em 2017.

Outra diferença que se destaca diz respeito ao número de voltas lideradas, quesito onde Márquez também leva vantagem. O piloto da Honda puxou a fila da MotoGP em 92 giros, contra 48 de Andrea.

O piloto da Ducati, porém, fez mais quilômetros em corrida ― 1931,539 km ―, já que só não completou o GP da Argentina, quando foi derrubado por Aleix Espargaró. Marc, por outro lado, teve três abandonos ― quedas na Argentina e na França e quebra de motor na Grã-Bretanha.

Por fim, a diferença maior reside mesmo no currículo de cada um dos postulantes ao campeonato. Aos 24 anos, Márquez já conquistou cinco títulos ― três na MotoGP, um na Moto2 e um nas 125cc ―, e está em seu quinto ano na divisão principal. Dovizioso, por sua vez, está em sua décima temporada na MotoGP e, aos 31 anos, tem um único Mundial, conquistado na classe de entrada em 2004.

A decisão da MotoGP acontece no dia 12 de novembro. O GRANDE PRÊMIO cobre a decisão in loco em Valência com a repórter Juliana Tesser. Acompanhe aqui todo o noticiário.

. (Lado a lado Márquez Dovizioso (Arte: Juliana Tesser))

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Escanteio SP.

SÃO PAULO E-PRIX 2023:
SINTA A ENERGIA DA FÓRMULA E

25 de março de 2023 CLIQUE NO LINK ABAIXO PARA ACESSAR O SITE OFICIAL DE VENDAS E ATIVAR O SEU BENEFÍCIO EXCLUSIVO COM O CÓDIGO SAOPAULOVIP. Comprar Ingresso com desconto

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar