A semana de MotoGP e Mundial de Endurance trouxe muitas mudanças ao Super Ranking GP. Lucas Di Grassi voltou para as cabeças e alguns nomes surpreendentes rondam o top-10

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;
//pagead2.googlesyndication.com/pagead/show_ads.js

Chegamos, leitores do GRANDE PREMIUM, com mais uma atualização do Super Ranking GP. Essa vem após um fim de semana que teve a MotoGP, o WEC e o DTM, apenas, mas trazendo mudanças radicais. O top-10 sofreu alterações significativas e um total de sete pilotos deixou a lista dos 100 melhores.

O destaque vai para os primeiros colocados do Mundial de Endurance. Lucas Di Grassi, com a primeira vitória na categoria, pulou para o segundo posto. Seus companheiros, Oliver Jarvis e Loïc Duval, vêm em 18º e 22º, respectivamente. Atrás dele, os adversários que estiveram ao seu lado no pódio: Neel Jani, Marc Lieb e Romain Dumas.

O retorno dos pilotos da Porsche ao top-10 tirou Juan Pablo Montoya e Jonathan Rea do grupo. Scott Dixon também despencou e agora é o décimo. Ah, e Nico Rosberg e Marc Márquez foram superados por essa trupe do WEC e pelo vencedor da MotoGP em Le Mans, Jorge Lorenzo, agora o melhor motociclista.

Detalhe para as surpresas que rondam o top-10: Dominik Kraihamer, Alexandre Imperatori e Matheo Tuscher. Improvável que eles continuem por ali ao longo do ano, mas os pódios neste início do Mundial de Endurance foram tão improváveis quanto, e assim eles têm seu momento de destaque. Por outro lado, a etapa do DTM não gerou nenhuma novidade na lista dos 100.

O que ninguém conseguiu foi aproveitar a pausa da Indy para desbancar o líder. Simon Pagenaud continua em primeiro, com 150 pontos a mais que Di Grassi. Os monopostos norte-americanos voltam à ativa neste fim de semana com o GP de Indianápolis. A programação ainda tem a F1, a estreia da GP2 em 2016 e o Mundial de Superbike.

Confira o Super Ranking GP após a semana #6:

Maverick Viñales foi ao pódio na MotoGP pela 1ª vez no ano e conseguiu saltar várias posições (Maverick Viñales (Foto: Getty Images))

Pilotos que saíram da lista dos 100: Carlos Sainz, Brendon Hartley, Timo Bernhard, Stéphane Lefebvre, Anthony Davidson, Carlos Muñoz e Max Chilton

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;
//pagead2.googlesyndication.com/pagead/show_ads.js

100. Eugene Laverty — MotoGP — 493,80
99. António Félix da Costa — F-E/DTM — 495,28
98. Mark Webber — WEC — 496,30
97. Danilo Petrucci — MotoGP — 499,04
96. Fernando Alonso — F1 — 505,89
95. Markus Reiterberger — WSBK — 508,05
94. Richard Bradley — 511,44
93. Roberto Merhi — WEC — 512,43
92. Max Verstappen — F1 — 513,95
91. Xavi Forés — WSBK — 514,85
90. Lorenzo Savadori — WSBK — 516,00
89. Jari-Matti Latvala — WRC — 522,30
88. Stefan Bradl — MotoGP — 537,81
87. Scott Redding — MotoGP — 548,04
86. Alex Lowes — WSBK — 548,27
85. Sébastien Bourdais — Indy — 551,69
84. Bradley Smith — MotoGP — 558,24
83. Mikhail Aleshin — Indy — 562,21
82. Leon Camier — WSBK — 564,93
81. Sylvain Guintoli — WSBK — 579,99
80. Oliver Turvey — F-E — 582,62 
79. Thierry Neuville — WRC — 589,84
78. Bruno Senna — F-E/WEC — 594,85
77. René Rast — WEC — 596,53
76. Roman Rusinov — WEC — 618,07 
75. Nico Hülkenberg — F1 — 625,24
74. Nelsinho Piquet — F-E/WEC — 626,86
73. Mike Conway — F-E/WEC — 632,53
72. Valtteri Bottas — F1 — 634,31
71. James Hinchcliffe — Indy — 651,38
70. Simon Trummer — WEC — 657,11
69. Nicky Hayden — WSBK — 658,44
68. Dani Sordo — WRC — 671,15
67. Jordi Torres — WSBK — 672,65
66. Héctor Barberá — MotoGP — 686,72
65. Sergio Pérez — F1 — 691,74
64. Andrea Dovizioso — MotoGP — 692,25
63. Romain Grosjean — F1 — 703,80
62. Davide Giugliano — WSBK — 714,43
61. Gustavo Menezes — WEC — 715,00
60. Daniil Kvyat — F1 — 716,58
59. Stéphane Richelmi — WEC — 725,50
58. Filipe Albuquerque — WEC — 726,23
57. Nicolas Lapierre — WEC — 752,43
56. Andrea Iannone — MotoGP — 755,01
55. Mads Østberg — WRC — 755,67
54. Ricardo González — WEC — 762,77
53. Andreas Mikkelsen — WRC — 763,16
52. Hayden Paddon — WRC — 767,81
51. Ryan Hunter-Reay — Indy — 769,04

Kraihamer, Imperatori e Tuscher são as maiores supresas até aqui. É a Rebellion conseguindo pontuar bem em cima dos problemas das grandes do WEC (Pódio da Rebellion)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;
//pagead2.googlesyndication.com/pagead/show_ads.js

50. Michael van der Mark — WSBK — 781,18
49. Daniel AbtF-E/WEC — 787,22
48. Takuma Sato — Indy — 798,65
47. Josef Newgarden — Indy — 819,64
46. Pol Espargaró — MotoGP — 824,07
43. André Lotterer, Benoît Tréluyer e Marcel Fässler — WEC — 826,16
42. Felipe Massa — F1 — 828,18
41. Jean-Éric Vergne — F-E — 853,64
40. Graham Rahal — Indy — 876,08
39. Tony Kanaan — Indy — 931,31
38. Kimi Räikkönen — F1 — 946,47
37. Daniel Ricciardo — F1 — 952,76
36. Aleix Espargaró — MotoGP — 958,05
35. Kamui Kobayashi — WEC — 966,40
34. Pipo Derani — WEC — 970,85
33. Sebastian Vettel — F1 — 976,14
32. Sébastien Ogier — WRC — 1024,35
31. Tom Sykes — WSBK — 1029,33
30. Will Power — Indy — 1037,86
29. Nick Heidfeld — F-E/WEC — 1045,57
28. Maverick Viñales — MotoGP — 1069,80
27. Sam Bird — F-E/WEC — 1084,76
26. Robin Frijns — F-E — 1088,08
25. Helio Castroneves — Indy — 1124,70
24. Stéphane Sarrazin — F-E/WEC — 1105,07
23. Chaz Davies — 1153,04
22. Loïc Duval — F-E/WEC — 1173,81
21. Nicolas Prost — WEC — 1184,12
20. Dani Pedrosa — MotoGP — 1211,66
19. Lewis Hamilton — F1 — 1214,92
18. Oliver Jarvis — WEC — 1230,91
17. Sébastien Buemi — F-E/WEC — 1273,77
16. Jonathan Rea — WSBK — 1323,30
15. Juan Pablo Montoya — Indy — 1334,28
14. Mathéo Tuscher — WEC — 1344,34
13. Alexandre Imperatori — WEC — 1349,42
12. Dominik Kraihamer — WEC — 1351,11
11. Jérôme D’Ambrosio — F-E — 1260,91

(Chris Owens 2016 IMS Photo)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;
//pagead2.googlesyndication.com/pagead/show_ads.js

Confira as versões anteriores do Super Ranking GP:

 

Semana #1 (líder: Lucas Di Grassi)

Semana #2 (líder: Lucas Di Grassi)

Semana #3 (líder: Simon Pagenaud)

Semana #4 (líder: Simon Pagenaud)

Semana #5 (líder: Simon Pagenaud)

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Escanteio SP.

SÃO PAULO E-PRIX 2023:
SINTA A ENERGIA DA FÓRMULA E

25 de março de 2023 CLIQUE NO LINK ABAIXO PARA ACESSAR O SITE OFICIAL DE VENDAS E ATIVAR O SEU BENEFÍCIO EXCLUSIVO COM O CÓDIGO SAOPAULOVIP. Comprar Ingresso com desconto

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar