Indy

Aos 46 anos, Lazier confirma participação e é sexto vencedor garantido nas 500 Milhas de Indianápolis

Por arrecadação de fundos a instituto médico, Buddy Lazier retorna de aposentadoria para participar da corrida que venceu em 1996
Warm Up / Redação GP, do Rio de Janeiro
 Buddy Lazier em Indianápolis (Foto: John Cote/Indycar)
Após Jacques Villeneuve confirmar participação nas 500 Milhas de Indianápolis, agora é Buddy Lazier, 46, quem acertou sua participação nas edição 98º da corrida.
 
O anúncio foi feito nesta quinta-feira (10) pelo piloto que venceu a edição de 1996 — a primeira após a cisão entre IRL e Cart —, um ano depois da conquista de Villeneuve.

No ano passado, Lazier entrou na competição a dias dos treinos, mesmo assim se classificando para a prova. Com o abandono ainda no princípio da disputa, o piloto declarou estar se aposentando.
Buddy Lazier em ação durante o Bump Day em Indianápolis (Foto: Forrest Mellot/IndyCar)
"Tivemos um trabalho monumental para organizar o time em 2013 para dar tempo de disputar a corrida. Agora, com um ano inteiro de organização, as expectativas estão maiores para esse ano", disse Lazier.
 
A volta do veterano tem a ver com seu filha, Jacqueline, de 12 anos, nascida com uma rara doença no olho chamada Aniridia, que se caracteriza por ausência completa ou parcial da íris — a parte colorida do olho — e pode causar redução da nitidez visual e aumento da sensibilidade à luz. Combinada ao glaucoma, causou a perda da visão da menina.
 
A relação entre o regresso às pistas e a doença que acomete a filha é a parceira da equipe: o Instituto Stephen A. Wynn para Pesquisa da Visão da Universidade de Iowa. O objetivo é arrecadar fundos para o organização, que pesquisa curas para doenças oculares raras.
 
Juntam-se a Lazier e Villeneuve outros quatro pilotos titulares da Indy, também campeões das 500 Milhas: Juan Pablo Montoya, Tony Kanaan, Hélio Castroneves e Scott Dixon. A corrida acontece dia 25 de maio.