Bia rompe com empresário, fala em amadurecimento e festeja “nova oportunidade” na Indy em 2013

A brasileira está confirmada para fazer três corridas na temporada 2013 da Indy, mas negocia para participar de mais eventos com a Dale Coyne neste ano

Bia Figueiredo está tendo uma nova chance na Indy em 2013. A brasileira está em São Petersburgo neste fim de semana para disputar a primeira prova do ano na categoria pela equipe Dale Coyne, buscando conquistar os resultados que ainda não conseguiu desde que estreou no certame. “Eu tenho plena consciência de que meus resultados não foram o que eu esperava”, admitiu Bia em entrevista ao Grande Prêmio. Mais madura e entrando em um novo ciclo, ela quer se firmar de vez na principal categoria de monopostos dos Estados Unidos.

O anúncio da presença da brasileira também em São Paulo e Indianápolis foi feito na noite desta quinta-feira, e a pilota confirma que está negociando para “fazer o maior número de provas possíveis” na Indy. "Não sei se vai dar para fazer o ano inteiro, mas quanto mais provas a gente tiver, melhor. São mais oportunidades para estar no carro e buscar resultados, esse é o foco".

Bia Figueiredo vai fazer pelo menos três corridas em 2013 (Foto: Divulgação)

De qualquer maneira, voltar à Indy já é motivo de “muita felicidade” para Bia. “O Dale [Coyne] me deu essa chance de fazer essa prova, iniciar o campeonato. Eu gosto muito de São Petersburgo, tive pódios aqui na Indy Lights, boas performances, então é bom voltar. Um novo time, uma nova oportunidade, é muito bom”, declarou.

Bia não coloca 2013 como sendo, necessariamente, um ano de afirmação. “Todos os anos são”, falou. “O automobilismo é assim: se você não demonstra resultado, é muito difícil. Eu tenho plena consciência de que meus resultados não foram o que eu esperava. Todas as corridas que eu fiz foram difíceis. 2011 foi um campeonato muito complicado para mim, e ano passado, com a Andretti, tive boas performances, mas, enfim, não consegui terminar onde cheguei a andar”, avaliou.

O que Bia espera é que o amadurecimento a ajude a superar isso: “Acho que amadureci muito, espero usar essa experiência para conseguir completar provas com bons resultados nesse ano”. Em 22 largadas, seu melhor resultado foi um 11º lugar.

As informações em tempo real direto de São Petersburgo
As imagens da quinta-feira em São Petersburgo
A volta virtual em São Petersburgo
Especial Indy

O ano de 2013 inicia também uma nova fase na carreira de Bia, mas nos bastidores. Ela não tem mais o ex-piloto André Ribeiro como empresário. “A gente não está mais juntos, uma parceria de anos. Sou muito grata a ele, mas é um novo ciclo para mim. Não tem muito o que falar, agora é seguir caminho”, declarou Bia.

Dentro da pista, uma nova fase pode ter início, sim, se o futuro na Indy não sair conforme o esperado. “Sempre tem a abertura. Eu estou totalmente aberta a qualquer oportunidade que aparecer. Minha preferência é a Indy, mas o importante é começar a buscar uma estabilidade e fazer campeonatos inteiros”, completou a paulista.

Antes de chegar à Dale Coyne, Bia negociou com a equipe Andretti, mas não conseguiu selar um acordo. Dono do time, Michael Andretti elogiou a brasileira em entrevista exclusiva ao GP e lamentou não ter fechado com ela.

O Grande Prêmio acompanha ‘in loco’ a abertura da temporada 2013 da Indy, em São Petersburgo, com o repórter Renan do Couto

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube