Carpenter firma parceria com Scuderia Corsa e fecha com Jones para circuitos mistos, de rua e Indy 500

A Carpenter fechou uma parceria com a Scuderia Corsa e vai ter Ed Jones em todos os circuitos mistos e de rua do calendário no carro #20. Na Indy 500, o carro #64 será do ex-piloto da Ganassi

Mais uma vaga do grid da Indy em 2019 foi fechada. Nesta quarta-feira (17), a Carpenter anunciou uma parceria com a Scuderia Corsa e contratou Ed Jones para pilotar o carro #20 nos circuitos mistos e de rua. Além disso, o piloto dos Emirados Árabes vai guiar o #64 na Indy 500.
 
A Carpenter é uma das melhores equipes do pelotão intermediário da Indy especialmente nos ovais. Na Indy 500 de 2018, por exemplo, Ed Carpenter cravou a pole – e chegou em segundo – e Spencer Pigot largou da segunda fila.
 
"É uma oportunidade fantástica. Carpenter e a Scuderia Corsa já mostraram muito potencial em suas categorias. A Carpenter mostrou muita velocidade, um desempenho incrível nas últimas edições da Indy 500. Você sempre espera os carros da Carpenter ali na frente. Estou muito grato por ter essa chance e eu farei tudo que puder para ajudar esse time a fazer o que der", disse Jones.
Ed Jones é da Carpenter em 2019 (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

Jones vai para sua terceira temporada completa na Indy. Campeão da Indy Lights em 2016, o piloto ficou em 14º e 13º nos dois campeonatos que fez, um pela Dale Coyne e outro pela Ganassi. Tem dois pódios e um terceiro lugar na Indy 500 2017. Pigot já foi também confirmado no carro #21.

 
"Estou muito animado em poder receber o Ed Jones na nossa família, bem como a Scuderia Corsa e o Giacomo. Fiquei bem surpreso quando o Ed ficou disponível no mercado no fim da temporada. Estou ansioso para trabalharmos juntos e voltarmos com a equipe à vitória", comentou o piloto de ovais e chefe do time Carpenter.
Oriol Servià andou de Scuderia Corsa na Indy 500 2018 (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
A Scuderia Corsa, enquanto isso, vai para seu primeiro ano de verdade na Indy. A estreia do braço da Ferrari na categoria foi justamente na Indy 500 2018, com Oriol Servià liderando a corrida com o #64 e passando bem perto da vitória não fosse a necessidade de parar com poucos giros para o fim.
 
"Nós estávamos querendo aumentar nossa operação na Indy e acho que não havia opção melhor que Ed Jones e a equipe Carpenter. Estamos muito animados por ter eles conosco", disse o chefe da Scuderia Corsa Giacomo Mattioli.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube