Indy

Com dupla da McLaren em aberto, Schmidt diz que “telefone não para de tocar”

Proprietário da SPM e um dos responsáveis pela entrada da McLaren de forma integral no grid de 2020, Sam Schmidt voltou a dizer que a dupla de pilotos está indefinida e brincou que o telefone não para de tocar com interessados

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
A dupla de pilotos da McLaren para a temporada 2020 da Indy segue sendo uma completa incógnita. Fernando Alonso não demonstra interesse em estar de forma integral na categoria, enquanto os atuais titulares da Schmidt Peterson estão com o futuro indefinido, já que Marcus Ericsson não sabe se fica na Indy e James Hinchcliffe tem contrato com a Honda e precisaria romper para seguir na estrutura da SPM agora com McLaren e Chevrolet. Mas candidatos não faltam.
 
Sam Schmidt, proprietário da SPM e um dos responsáveis pela entrada da McLaren na categoria americana, garantiu que vários pilotos estão procurando o time de Woking, mas que a lista de possíveis nomes ainda está sendo feita.
 
"O telefone não para de tocar com os mais diversos tipos de pilotos. A primeira meta era fazermos o anúncio do time e aí e ver quem está interessado e fazer a nossa lista. Vamos só depois começar a ver quem pode receber uma oferta, quem poderia ajudar. É ficar ligado que teremos novidades, mas ainda vai demorar umas semanas", comentou.
James Hinchcliffe tem futuro incerto (Foto: Indy)
O dirigente ainda falou das chances de ter um terceiro carro no grid e acha que não é hora de pensar nisso.
 
"A gente conseguiu ter dois carros com o mesmo patrocinador na SPM, é tipo o mundo dos sonhos para um dono de equipe na Indy. Vamos ver como vai ser na transição pros carros laranjas da McLaren. Não descarto ainda um terceiro carro, certamente vai estar na Indy 500, por exemplo, mas a prioridade precisa ser buscar patrocinador igual e focar nos dois carros para que possam disputar vitórias, título, a Indy 500", concluiu.
 
Hinch ocupa a décima colocação com 287 pontos, enquanto Ericsson vem com 219 na 15ª posição. A SPM ainda não venceu em 2019, mas tem dois pódios, um com cada piloto.


Paddockast #28
INTERROGANDO Flavio Gomes: O Boto do Reno


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.