Com veto de Honda a Alonso, Andretti anuncia Hinchcliffe para 6º carro na Indy 500

Canadense ficou sem vaga para a temporada 2020 após ser chutado pela McLaren SPM e vai disputar ainda o GP de Indianápolis e Texas. Foi escolhido para correr ao lado de Ryan Hunter-Reay, Alexander Rossi, Colton Herta, Marco Andretti e Zach Veach

James Hinchcliffe vai ser visto no grid da temporada 2020 da Indy. Nesta quarta-feira (19), a Andretti convocou uma coletiva de imprensa para anunciar o canadense para o GP de Indianápolis, a Indy 500 e a prova do Texas.

Hinchcliffe ficou sem uma vaga no grid da temporada 2020 da Indy no final do último ano. Com a parceria da Schmidt Peterson com a McLaren, o time acabou chutando o canadense para dar espaço a Oliver Askew e Pato O’Ward.

Na categoria norte-americana desde 2011, passou por equipes como Haas/Newman, Andretti e Schimdt Peterson. Conta com cinco vitórias no currículo, além de 17 pódios e duas oitavas colocações como melhores resultados de campeonato.

Em suas nove participações nas 500 Milhas de Indianápolis, tem uma sexta posição, em 2012, como melhor colocação. Ainda, já largou da pole-position em 2016, um ano após um grave acidente que sofreu no mesmo oval, mas falhou em classificar para a icônica prova em 2018.

James Hinchcliffe (Foto: IndyCar)
Para a temporada de 2020, a Andretti vai contar com Ryan-Hunter Reay, Alexander Rossi, Colton Herta, Marco Andretti e Zach Veach.
“Honestamente, é muito bom ser capaz de anunciar boas notícias. Não é um segredo que 2020 não vai ser exatamente como esperava, mas começar o ano com o anúncio de que a [empresa de tecnologia patrocinadora] Genesys vai salvar a temporada e ser nossa parceira é incrível”, disse o piloto.
 
“Agora, adicionando o encontro com a Andretti me faz sentir que o bom momento está vindo em nossa direção. Mal posso esperar para trabalhar com este grupo novamente e voltar para um carro da Indy”, completou.
Andretti também comemorou a parceria para 2020. “Estamos felizes em ser capazes de receber James de volta. Ele foi, sem dúvidas, derrubado algumas vezes por esse esporte e ser capaz de ajudá-lo é realmente especial.”
 
“Tivemos muita diversão e alguns momentos de ótimo sucesso com James quando fazia parte do time antes, e estamos realmente ansiosos em retomar de onde paramos. Também gostaria de receber a Genesys na família Andretti em sua primeira experiência na Indy”, seguiu.
 
“Agora temos três grandes companhias de Indiana em nosso portfólio, junto com tantas outras marcas que chamam Indianápolis de casa. É especial ver essas empresas apoiando a casa da Indy, e estamos orgulhosos de levá-las conosco”, reforçou.
 
“Estamos ansiosos em trabalhar com James e Genesys para entregar a ambos sucesso dentro e fora da pista”, encerrou.
 

As chances de James cresceram no início deste ano. Fernando Alonso estava cotado para assumir o carro mas, de última hora, a Honda acabou vetando a participação do espanhol pelo relacionamento conturbado do passado.

 

Paddockast #48
MELHORES PILOTOS BRASILEIROS DA DÉCADA

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube