Indy

Dreyer & Reinbold confirma retorno e anuncia acordo com Karam para edição 100 das 500 Milhas de Indianápolis

A Dreyer & Reinbold vai disputar a edição de número 100 das 500 Milhas de Indianápolis e, nesta quinta-feira (21), confirmou também que Sage Karam vai defender o time na famosa corrida, que acontece no fim do mês de maio
Warm Up / Redação GP, de Curitiba
 Sage Karam durante o TL3 em Mid-Ohio (Foto: IndyCar)
A Dreyer & Reinbold anunciou nesta quinta-feira (21) o retorno à Indy, ao menos para as 500 Milhas de Indianápolis, que acontecem no mês de maio. E, para a 100ª edição da tradicional prova, a equipe confirmou acordo com Sage Karam. 
 
O jovem norte-americano fez sua estreia na famosa corrida pela própria Dreyer & Reinbold em 2014. Karam terminou a prova em nono depois de largar em 31º. No ano passado, Sage defendeu a Ganassi em 12 etapas. A equipe de Scott Dixon e Tony Kanaan, entretanto, decidiu liberar o passe do piloto em dezembro passado. 
 
"É emocionante voltar à Dreyer & Reinbold. Nós tivemos uma grande corrida em Indianápolis com eles em 2014", afirmou Sage, que conquistou seu primeiro pódio na Indy em Iowa na temporada passada.
Sage Karam vai correr a Indy 500 pela Dreyer & Reinbold (Foto: AP)
Proprietário da equipe, Dennis Reinbold também se mostrou confiante no talento de Karam. "Temos trabalhado muito duro desde 2015 para construir uma boa base comercial para a disputa das 500 Milhas neste ano", disse Reinbold.
 
"E acreditamos que Sage Karam é um piloto bastante talento e agora quase não podemos esperar o mês de maio chegar", completou o dirigente, que ainda busca colocar ao menos mais um carro no grid da Indy 500 em 2016.
 
Karam teve um fim de temporada em 2015 bastante problemático, especialmente por conta da morte de Justin Wilson. O jovem piloto se sentiu culpado pela perda do colega devido ao envolvimento no acidente – Sage bateu no muro e um pedaço de carenagem de seu carro atingiu a cabeça do inglês, que não resistiu aos ferimentos. Sage procurou ajuda profissional para superar a tragédia.
VEJA NA ÍNTEGRA A EDIÇÃO #13 DO PADDOCK GP