Indy

GP às 10: McLaren enfim cresce na F1, mas se empolga com equipe na Indy. É a hora certa de focar nas duas?

No GP às 10 desta sexta-feira (17), Victor Martins analisa que a McLaren largou de vez a rabeira da F1 e hoje já se põe como a 'melhor do resto', um ótimo passo para que a equipe volte a se focar a ser uma das grandes. Ao mesmo tempo, a operação na Indy atrai patrocinadores e faz Zak Brown se dividir entre Europa e América e pensar cada vez mais em uma equipe 'full-time'. Sem voltar ao topo da F1, o grupo laranja faz bem pensar na Indy?

GRANDE PRÊMIO / Redação GP, de Curitiba
A empreitada da McLaren na Indy é o assunto do GP às 10 da noite desta sexta-feira (17). Victor Martins faz uma análise sobre o projeto da equipe inglesa em se colocar no campeonato norte-americano e questiona se é o momento certo para entrar na categoria. Na Fórmula 1, o time de Woking vem passo a passo mostrando sinais de evolução e, neste momento, ocupa a quarta colocação no Mundial de Construtores. A esquadra também passou por uma ampla reestruturação técnica e agora tem no comando Andreas Seidl, ex-chefão da Porsche no WEC, como líder. 

O GP às 10 é a série que traz um comentário em vídeo dos jornalistas do GRANDE PRÊMIO, sempre às 10h (de Brasília), do dia e da noite. Veja aqui todas as edições do GP às 10.


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo 

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.