carregando
Indy

Hunter-Reay comanda trinca da Andretti em teste da Indy em Sebring e vê novo carro como “boa decisão”

O campeão da Indy em 2012, Ryan Hunter-Reay, liderou um trio da Andretti que ficou no topo da tabela de mais rápidos no teste da última quarta-feira em Sebring. A sessão não foi pública e teve 13 pilotos na pista, mas, em geral, os pilotos aprovam o novo carro

Warm Up / Redação GP, do Rio de Janeiro

Apenas 13 pilotos do grid da Indy foram à pista na última quarta-feira (24) para o primeiro dia de testes da Indy em Sebring. O teste não foi aberto para o público, mas o domínio inicial foi da Andretti. Ryan Hunter-Reay cravou a volta mais rápida durante a tarde. 
 
Atrás do campeão de 2012, ficaram dois companheiros de Andretti. Alexander Rossi foi o segundo mais rápido, enquanto Marco Andretti foi o terceiro. Graham Rahal, o estreante Robert Wickens, Sébastien Bourdais, Zach Veach, James Hinchcliffe, Takuma Sato e Max Chilton fecharam o top-10. Tony Kanaan, Zachary Claman de Melo e Matheus Leist fecharam a classificação. Foi o primeiro teste oficial de Leist com o carro da categoria. 
 
"Foi meu segundo dia com o carro novo e nós podemos acertar algumas coisas que tínhamos mexido no primeiro teste. Fiquei no carro o dia todo. Fizemos boas mudanças que nos colocaram na direção certa, mas a característica fundamental que tanto se fala do novo carro ainda está lá: ainda anda muito bem e sem o mesmo downforce do ano passado. Ainda preciso me acostumar com isso", afirmou Hunter-Reay à revista norte-americana 'Racer'.
 
"Há mais exigência atrás do volante, especialmente com o desgaste de pneus em simulações de corrida. Nossa meta precisa ser equilibrar o carro o máximo possível para as diferentes fases de uma curva, mas saídas maiores de traseira podem ser uma nova realidade. Gosto da direção para qual estamos indo [com o novo carro], de volta ao menor downforce de 2012 a 2014. É uma boa decisão da Indy", completou.
Ryan Hunter-Reay (Foto: IndyCar)
Diferente de Hunter-Reay, Rahal entrou no carro pela primeira vez no ano. 
 
"Tentamos seguir a lista de prioridades que fizemos e tentar trabalhar em cima. No fim do dia, senti que chegamos onde gostaríamos. Realmente gostei - e os carros da Andretti eram rápidos, mas eles já tinham um dia de teste, então não foi uma surpresa", afirmou Graham. 
 
"Comecei o dia com um banco diferente, que me deixava mais baixo no carro, então o visual era diferente e levou um tempo para me ajustar. Mas eu gosto muito do carro. É rápido, acelera loucamente, freia muito bem. É divertido", encerrou.

Os testes coletivos começam em 9 de fevereiro, em Phoenix.