Indy escolhe Patrick para pilotar pace-car na largada das 500 Milhas de Indianápolis

Danica Patrick é quem assume o pace-car nas voltas de apresentação da Indy 500. A pilota nunca venceu em Indianápolis, mas conseguiu um respeitável terceiro lugar em 2009

A largada das 500 Milhas de Indianápolis de 2021 terá a presença de um rosto conhecido à frente do grid. Danica Patrick, agora ex-pilota, foi escolhida pela organização da prova para pilotar o pace-car nas voltas de apresentação antes da largada.

Como de costume, o carro em questão é um Corvette, mantendo presença de peso da Chevrolet. A novidade é que trata-se de um carro conversível, algo que não acontece na Indy 500 desde a edição de 2008.

“Eu sempre amei os carros da Chevrolet, e o Corvette conversível é um carro lindo. Talvez eles me deixem levar o carro para casa”, disse Danica.

Danica Patrick retorna à Indy 500, agora no pace-car (Foto: IndyCar)

Patrick nunca venceu a Indy 500, mas tem um histórico positivo no IMS. Em oito aparições, viu a bandeira quadriculada seis vezes, sempre dentro do top-10. O resultado de maior destaque foi o terceiro lugar em 2009. Antes disso, em 2005, a americana se tornou a primeira mulher a liderar a prova centenária. Em 2018, uma aparição especial marcou a despedida das pistas e a aposentadoria.

O maior sucesso de Danica na Indy não veio em Indianápolis, mas, sim, em Motegi. Foi no autódromo japonês, em 2008, que a então pilota da Andretti alcançou sua única vitória no certame. A passagem pela categoria de monopostos foi interrompida ao fim de 2011, quando Patrick apostou em uma carreira na Nascar que duraria em tempo integral até 2017.

A Indy 500 acontece em 30 de maio. A categoria vai para Indiana com Scott Dixon liderando uma briga ainda embolada pelo título.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar