Indy introduz atraso de cinco segundos na ativação do push-to-pass a partir da etapa de Mid-Ohio

Agora os pilotos precisarão esperar cinco segundos para sentir o ganho de potência propiciado pelo push-to-pass. A nova determinação, que valerá já neste fim de semana, visa evitar que os pilotos usem o sistema para defender suas posições

A partir da etapa de Mid-Ohio, marcada para este domingo (5), o sistema de push-to-pass dos carros da Indy contarão com um atraso de cinco segundos até que a ativação ocorra. Em outras palavras, será cinco segundos depois do piloto acionar o botão que o ganho de potência se dará para que ele tente a ultrapassagem.

“Isso é para evitar que os pilotos usem o push para defender a posição”, afirmou Trevor Knowles, diretor de desenvolvimento de motores da Indy. Na corrida desse fim de semana, o tempo total de utilização será de 100 segundos, limitado a 20 segundos por aperto do botão de ultrapassagem, e não haverá um período de recarga entre cada uso.

O objetivo da direção da Indy é aumentar o número de ultrapassagens nas corridas (Foto: IndyCar/LAT USA)

O push-to-pass resulta em um aumento de 200 RPM, um grande facilitador para as trocas de posição, e foi criado na temporada de 2009. Knowles explicou que “o piloto poderá acionar o botão antes da zona de frenagem e, quando chegar à aceleração plena novamente, o modo de ultrapassagem estará ativo”.

O modo como as utilizações do push-to-pass são exibidas na transmissão de TV também será modificado. “A TV não mostrará se quem está defendendo a posição acionou o botão. Só será mostrado quando quem está tentando ultrapassar acioná-lo”, revelou Knowles.

Este não é o fim das mudanças no sistema. Knowles ainda disse que a Indy vai considerar a introdução de um período de recarga do push-to-pass. Isso não foi feito agora porque “nós não queríamos introduzir muitas coisas de uma vez só”.

A prova desse fim de semana será a 12ª da temporada da Indy, que está chegando a sua reta final. Depois de Mid-Ohio, os pilotos passarão pelos circuitos mistos de Sonoma e Baltimore, antes de retornar aos ovais para sua decisão, em Fontana, no mês de setembro.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube