Kanaan vê “sentimentos mistos” ao guiar sem público em Indianápolis: “Dia estranho”

Tony Kanaan abriu bem a edição 104 da Indy 500. O brasileiro andou próximo do top-10 e saiu satisfeito com o carro, mas um pouco sem reconhecer o IMS vazio

Tony Kanaan teve um bom começo nas 500 Milhas de Indianápolis 2020. Nesta quarta-feira (12), o brasileiro ficou em 11º com a Foyt, virando 40s381, apenas 0s3 mais lento que James Hinchcliffe. Tony viu o início com ótimos olhos, mas falou também da experiência estranha de ter guiado no IMS sem público, já que os portões estão fechados pela pandemia de coronavírus.

Kanaan, que disputa sua última temporada na Indy, elogiou o TL1 que teve com a Foyt, mas acredita que o grid todo deve ter ficado feliz com o primeiro dia. Mas Tony admitiu que não foi normal sair do carro e ver o circuito vazio.

“Foi um bom primeiro dia, acho que todo mundo vai falar a mesma coisa, é muito bom estar de volta aqui. A categoria e as equipes se esforçaram muito para que estivéssemos aqui. Isso mostra como esse lugar é importante. Sentimentos mistos pela manhã quando comecei a guiar e não tinha ninguém na arquibancada. Hoje era dia para ter umas 40 pessoas esperando o AJ Foyt lá fora. Foi um dia estranho”, disse.

Tony Kanaan foi 11º no TL1 da Indy 500 2020 (Foto: IndyCar)

O brasileiro comentou que perdeu alguns minutos de atividade no fim do dia, mas nada que tenha atrapalhado os planos da equipe.

“Nós conseguimos muito tempo de pista, o que foi ótimo. Tivemos um probleminha no fim do dia, mas nada que tenha comprometido e já estávamos preparados para encerrar. Estou bem satisfeito com o carro. Foi, definitivamente, um dos melhores primeiros dias que já tivemos. A equipe veio muito preparada, estou feliz. Ainda tem muito pela frente, mas é bom estar de volta”, completou.

Kanaan está em sua 19ª participação nas 500 Milhas de Indianápolis. O brasileiro venceu em 2013 e vem de um nono lugar em 2019, quando andou no grupo da frente.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube