Indy

Kimball renova com Carlin, mas diminui acordo para apenas cinco corridas na temporada 2019

Charlie Kimball vai seguir por mais um ano com a Carlin, mas seu acordo mudou bastante. Agora, o experiente americano vai guiar o #23 por apenas cinco corridas, entre elas, a Indy 500

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
Charlie Kimball é uma das figurinhas carimbadas no grid da Indy dos últimos anos, mas vai reduzir sua participação em 2019. Nesta quinta-feira (7), o americano de 33 anos usou as redes sociais para anunciar que vai correr em apenas cinco provas com a Carlin, entre elas, é claro, a Indy 500.
 
O calendário de Kimball para a temporada que começa em março é bem simples: Charlie vai fazer os três grandes ovais - Indy 500, Texas e Pocono -, a primeira e a última corridas - respectivamente, São Petersburgo e Laguna Seca.
Charlie Kimball reduziu o acordo com a Carlin para 2019 (Foto: IndyCar)
Ainda não há confirmação sobre quem irá dividir o bólido com Kimball durante a temporada, mas a Carlin não deve demorar muito para fazer seu anúncio, previsto para a próxima semana.
 
Kimball foi titular nas últimas oito temporadas, sete delas pela Ganassi, em operação diferenciada da de Scott Dixon, por exemplo. Pela Carlin, teve altos e baixos, mas andou bem na frente de Max Chilton - já renovado -, com seis top-10 e um quinto lugar em Toronto.