Meira exalta “último Highlander” Kanaan e lamenta Indy sem mais brasileiros

A Indy vai sofrer uma escassez de brasileiros em 2020, contando apenas parcialmente com Tony Kanaan. Vitor Meira exaltou a presença do piloto no grid, mas lamentou a falta de competidores para representarem o país no grid

A escassez de brasileiros também chegou à Indy, com apenas Tony Kanaan parcialmente confirmado para a temporada 2020. Vitor Meira falou do assunto e exaltou a presença do piloto, apesar de lamentar os poucos representantes.
 
Para este ano, o titular da Foyt falou durante o PADDOCK GP #186 que vai correr nas etapas em ovais, mas ainda busca o orçamento para a temporada completa. Helio Castroneves disputa as duas corridas em Indianápolis, enquanto Matheus Leist não está confirmado.
 
Meira, que esteve na categoria norte-americana entre 2002 e 2011, exaltou a presença do baiano em 2020, mas lamentou que não existam pilotos prestes a embarcar no grid. “Tanto na Indy, o Tony tá sendo o nosso último highlander. O Highlander só morre se cortar a cabeça, o Tony nem isso, o bicho é indestrutível, está lá nos representando e vai lá parcialmente nos representar”, falou ao GRANDE PRÊMIO.
Tony Kanaan (Foto: Indycar)

“É muito triste tudo, muito ruim, é algo que se vem falando a muito tempo e agora vai se concretizar, mas mesmo se concretizando não tendo ninguém na F1 nem na Indy, nada é feito, e não estou empurrando tudo no governo, não, não sou do tipo paternalista”, seguiu.
 

“Mas não há uma mobilização tanto do automobilismo quanto do mercado privado quanto do mercado público em ter uma meta de colocar alguém na F1 ou na Indy”, completou
 
“Acham que as coisas acontecem naturalmente, mas enquanto não estiver um plano de todo mundo junto realmente nada vai acontecer, é um país que vai adorar o automobilismo, vai continuar amando o automobilismo, até mesmo dentro da pauta jornalística esportiva é um dos principais assuntos sempre, isso é orgânico já. Mas infelizmente, em representação no topo do mundo, vamos ficar sem um bom tempo”, concluiu.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube