Indy
27/09/2018 13:02

Montoya vê disputa de temporada completa da Indy como caminho para Alonso vencer em Indianápolis

Juan Pablo Montoya é o único piloto que está tão perto da Tríplice Coroa quanto Fernando Alonso. Questionado sobre o que o espanhol deveria fazer para finalizar a busca pelo feito histórico, disse que correr um ano inteiro na categoria tornaria mais simples o entendimento do carro e a vitória na Indy 500
Warm Up / Redação GP, do Rio de Janeiro
 Juan Pablo Montoya (Foto: IndyCar)
Existem dois pilotos no mundo do esporte a motor que estão a um passo de conquistar a lendária Tríplice Coroa: Juan Pablo Montoya e Fernando Alonso. Mas apenas um está loucamente atrás do feito. Segundo o colombiano, Alonso tem uma melhor chance de completar a cartela e vencer as 500 Milhas de Indianápolis caso vá para a Indy e dispute uma temporada completa. 
 
O futuro de Alonso, conforme o GRANDE PRÊMIO adiantou, está mesmo em uma temporada completa nos Estados Unidos, em 2019, com uma parceria entre Harding, McLaren e Andretti. A confirmação é esperada em novembro.
 
"Creio que provavelmente a melhor forma de vencer em Indy é fazer a temporada completa. E é isso que eu tenho ouvido que vai acontecer", disse à revista inglesa 'Autosport'.
 
"Ele provavelmente está tentando dar a ele mesmo a melhor chance possível [de ganhar em Indy]. Correr alguns ovais e se preparar mais para a Indy 500. Creio que ele está na F1 há tempo demais e quer testar alguma coisa diferente", seguiu.
Kimi Räikkönen, Juan Pablo Montoya e Fernando Alonso estrearam em 2001 na F1 (Foto: AFP)
Montoya já venceu a Indy 500 e o GP de Mônaco. Aos 42 anos, está pelas 24 Horas de Le Mans desde 2003. Em 2018, passou a disputar o WEC na classe LMP2. Ele admite que seria legal finalmente conquistar a Tríplice Coroa, mas não tem isso como meta.
 
"É engraçado, porque eu fui para Le Mans e terminei no terceiro lugar na minha classe. Fique feliz com isso. Seria incrível vencer em Le Mans e conquistar a Tríplice Coroa. Se houver a possibilidade de vencer, então, sim, mas minha carreira não tem a Tríplice Coroa como foco. Quero apenas ganhar corridas", afirmou.
 
"Se eu tiver a chance de ganhar a classificação geral em Le Mans, seria enorme. Mas a gente nunca sabe o que vai acontecer", avaliou.
 
Sobre a possibilidade de correr a Indy 500 de 2018 pela Penske, Montoya confirmou que tem o interesse e vai esperar algum sinal da equipe pela qual compete no SportsCar. Em 2018, o colombiano queria correr, mas não recebeu um carro.
 
"Se a Penske chegasse dissesse 'corre a Indy com a gente', então seria divertido demais fazer isso de novo. A Indy é divertida, a Indy 500 é especial. O motivo de eu ter corrido de quase tudo é que eu amo fazer isso", encerrou.