Pagenaud concorda com punição por interferência e se espelha em Bourdais: “Vamos tentar ganhar largando em último”

Simon Pagenaud tinha grandes chances de cravar a pole em Long Beach, mas uma punição por interferir na volta de Helio Castroneves o fez perder suas duas melhores voltas e, por consequência, largar em último. O francês concordou com a penalização e lembrou que Sébastien Bourdais saiu de 21º para vencer em St. Pete

 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 3
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

Simon Pagenaud passou de favorito ao posto de pole-position para último colocado no grid em questão de segundos neste sábado (8) em Long Beach. Mais rápido do segundo grupo da primeira fase, o atual campeão acabou punido por interferir na volta rápida de Helio Castroneves e, assim, perdeu suas duas melhores voltas, despencando na classificação.
 
Apesar do imenso dano, Pagenaud se mostrou bem conformado com a punição e concordou com a direção de prova, lamentando o fato de ter atrapalhado a volta do companheiro de equipe que, minutos depois, garantiria a posição de honra no grid deste domingo.
Simon Pagenaud vai largar em último (Foto: IndyCar)
"Foi uma dessas infelicidades. Eu entendo a punição porque eu interferi na volta do Castroneves. Eu recuei um pouco para preparar uma segunda volta com os pneus e o Helio estava lá. Fiquei encaixotado, não havia nada que eu pudesse fazer, mas aconteceu", reconheceu. 
 
O francês elogiou muito o carro #1 preparado pela Penske e se apoiou na recuperação incrível de Sébastien Bourdais que, misturando um bom carro, talento e sorte com bandeiras amarelas, foi de último para primeiro em São Petersburgo.
 
"O carro estava fantástico. Nós iremos largar no fim do grid. O GP de São Petersburgo foi vencido por quem largou de onde nós vamos largar, então vamos tentar repetir o que aconteceu lá", disse.
 
PADDOCK GP #72 TRAZ ÁTILA ABREU E DISCUTE ETAPAS DA STOCK CAR, F1, INDY E MOTOGP

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube