Indy

Power brilha e arranca pole-position de Rossi com cronômetro zerado em Austin. Leist larga em 12º

Will Power acertou uma grande volta na última chance e garantiu a pole para o GP de Austin. Alexander Rossi, que parecia ser o dono da posição de honra, parte de segundo, enquanto Colton Herta larga em um surpreendente quarto lugar. Matheus Leist começa em 12º e Tony Kanaan em 24º

Grande Prêmio / GABRIEL CURTY, de São Paulo
A definição da pole da Indy em Austin teve emoção até depois do cronômetro zerar. Neste sábado (23), Will Power acertou uma ótima volta e, com 1min46s018, bateu Alexander Rossi para garantir a segunda posição de honra em duas provas em 2019.

A Honda dominou as primeiras colocações, apesar de ter perdido justamente a pole para Power, que parte da liderança pela 56ª vez na carreira. Ryan Hunter-Reay mostrou que a Andretti é mesmo uma força a ser respeitada no Circuito das Américas e ficou em terceiro, na frente da surpresa do dia, o novato Colton Herta, que mostrou que a pré-temporada não foi fogo de palha.

Depois de um desempenho brilhante na segunda fase da classificação, a Ganassi decepcionou no Fast Six. Felix Rosenqvist vai largar em quinto, mais uma vez se colocando na frente do companheiro Scott Dixon, que sai de sexto.

Josef Newgarden foi a grande decepção entre os favoritos e bateu na trave de ir ao Fast Six, partindo de sétimo. Em grande forma, Pato O'Ward parte de oitavo, Zach Veach larga em nono e Graham Rahal sai de décimo. Matheus Leist contou com uma bandeira vermelha na primeira fase e sai de 12º, enquanto Tony Kanaan larga em 24º.
Will Power larga na pole em Austin (Foto: IndyCar)
Confira como foi a definição do grid em Austin

O primeiro grupo da fase inicial da classificação em Austin começou até antes da hora marcada. Nele estavam James Hinchcliffe, Scott Dixon, Felix Rosenqvist, Sébastien Bourdais, Santino Ferrucci, Spencer Pigot, Ryan Hunter-Reay, Pato O'Ward, Kyle Kaiser, Max Chilton, Jack Harvey e Colton Herta.
 
E a Ganassi mandou. Ditando o ritmo desde o começo, Dixon e Rosenqvist só foram se revezando na ponta, virando abaixo de 1min48s e, depois, de 1min47s. A distância para os rivais só foi aumentando com o passar do grupo.
 
Quando vinha a melhor volta de todo mundo, ali no final, Hunter-Reay, Ferrucci, Herta e O'Ward se enfiaram no top-6. Muita gente vinha em volta rápida, mas aí Harvey atrapalhou tudo. O inglês escapou na curva 19 e a bandeira vermelha surgiu.
 
Assim, Chilton, Hinch, Bourdais, Pigot, Kaiser e o próprio Harvey foram eliminados logo de cara. Ferrucci e O'Ward, as zebras, avançaram.
Pato O'Ward surpreendeu na primeira fase (Foto: IndyCar)
Bandeira vermelha ajuda e Leist leva Foyt para segunda fase

O segundo grupo da primeira fase teve um ligeiro atraso para limpeza da pista e veio com Josef Newgarden, Matheus Leist, Marcus Ericsson, Will Power, Tony Kanaan, Graham Rahal, Ed Jones, Simon Pagenaud, Zach Veach, Alexander Rossi, Takuma Sato e Marco Andretti.
 
Não demorou muito para os principais pilotos irem para a frente, com Rossi e Newgarden no comando das ações em 1min47s4. Só que os tempos ainda cairiam muito, como o primeiro grupo mostrou. E, mais uma vez, havia margem para zebras.
 
Newgarden achou uma voltaça em 1min46s2, 0s2 na frente do companheiro Power. Enquanto isso, Rahal, Veach e Leist se metiam na frente de Rossi, que não conseguiu melhorar sua volta por uma vermelha causada por Kanaan.
 
A rodada do #14 também encerrou a sessão mais cedo e Rossi deu uma tremenda sorte ao não ser superado por outros pilotos que também foram prejudicados pela vermelha. Assim, Sato, Ericsson, Jones, Andretti, Pagenaud e Kanaan ficaram pelo caminho, enquanto Leist levou de forma improvável a Foyt ao segundo estágio da classificação.
Matheus Leist passou de fase (Foto: IndyCar)
Herta surpreende e Newgarden cai na segunda fase
 
A segunda fase começou na sequência, com um intervalo menor. Nela estavam três Andretti, duas Penske, duas Ganassi, uma Dale Coyne, uma Harding, uma Carlin, uma RLL e uma Foyt.
 
Os favoritos trataram de iniciar na frente, com Rossi puxando a fila com 1min47s6 e logo sendo superado por Hunter-Reay e Rosenqvist. No entanto, ainda havia tempo para marcas bem mais fortes.
 
Ferrucci se posicionou na frente dos rivais, mas era um mero detalhe, visto que muito ainda viria pela frente. E veio de forma espetacular, com Rosenqvist acertando a melhor volta do final de semana em 1min45s454. Rossi foi quem passou mais perto, mas quase 0s5 atrás. 
 
A grande zebra veio de Newgarden, que não conseguiu entrar no Fast Six, e de Herta, que se colocou em terceiro sem tomar conhecimento dos rivais mais fortes. Hunter-Reay, Power e Dixon confirmaram o favoritismo e avançaram.
 
Junto de Newgarden, O'Ward, Veach, Rahal, Ferrucci e Leist ficaram pelo caminho, com o brasileiro terminando 0s7 atrás do penúltimo da segunda fase.
Josef Newgarden larga em sétimo (Foto: IndyCar)
Power aparece no fim e desbanca Rossi

O Fast Six foi absurdamente estudado e a primeira volta rápida saiu apenas quando a sessão já chegava perto da metade. Power virava 1min46s4, com Hunter-Reay e Rosenqvist acompanhando. Herta, Dixon e Rossi guardavam tudo para o esforço final.
 
Herta foi o primeiro a dar sua volta rápida e se estabeleceu na pole provisória com 1min46s3. A expectativa estava principalmente em cima de Rossi e das Ganassi, mas só o primeiro correspondeu, virando 1min46s176.
 
Parecia que a pole seria do americano, mas se há algo em classificações atuais da Indy que precisa ser respeitado é nunca esquecer Power. O australiano, já depois do cronômetro ter zerado, achou um grande giro em 1min46s018 e fez a pole #56 da carreira.

Indy, GP de Austin, Grid de largada:

1 W POWER Penske Chevrolet 1:46.018  
2 A ROSSI Andretti Honda 1:46.176 +0.158
3 R HUNTER-REAY Andretti Honda 1:46.323 +0.305
4 C HERTA Harding Honda 1:46.359 +0.341
5 F ROSENQVIST Ganassi Honda 1:46.568 +0.550
6 S DIXON Ganassi Honda 1:46.938 +0.920
7 J NEWGARDEN Penske Chevrolet 1:46.344 +0.326
8 P O'WARD Carlin Chevrolet 1:46.381 +0.363
9 Z VEACH Andretti Honda 1:46.542 +0.524
10 G RAHAL RLL Honda 1:46.968 +0.950
11 S FERRUCCI Dale Coyne Honda 1:47.396 +1.378
12 M LEIST Foyt Chevrolet 1:48.063 +2.045
13 M CHILTON Carlin Chevrolet 1:46.825 +0.807
14 T SATO RLL Honda 1:47.711 +1.693
15 J HINCHCLIFFE SPM Honda 1:46.867 +0.849
16 M ERICSSON SPM Honda 1:48.426 +2.408
17 S BOURDAIS Dale Coyne Honda 1:47.070 +1.052
18 E JONES Carpenter Chevrolet 1:48.452 +2.434
19 S PIGOT Carpenter Chevrolet 1:48.490 +2.472
20 M ANDRETTI Andretti Honda 1:48.652 +2.634
21 K KAISER Juncos Chevrolet 1:48.634 +2.616
22 S PAGENAUD Penske Chevrolet 1:48.903 +2.885
23 J HARVEY Meyer Shank Honda 1:49.180 +3.162
24 T KANAAN Foyt Chevrolet 1:50.074 +4.056