Grosjean revela que decisão de correr em Gateway veio em abril: “Estava no meu radar”

Romain Grosjean deixa porta aberta para competir na temporada completa da Indy em 2022 e explicou que optou por correr em Gateway logo após participação em St. Pete.

Castroneves sobe nas grades de Indianápolis (Vídeo: Indycar)

Com três participações concluídas na Indy em 2021, Romain Grosjean já mudou de ideia e decidiu competir em oval ainda nesta temporada. O francês da Dale Coyne revelou que vai competir na etapa de Gateway, marcada para agosto. O piloto já subiu ao pódio na categoria com o segundo lugar no GP de Indianápolis 1.

Em entrevista ao site da revista americana Racer, Grosjean revelou que a decisão de competir em Gateway veio após o GP de São Petersburgo, em abril. Ele também acredita que as características da oval vão ajudar na adaptação, já que não terá de encarar speedways como Indianápolis ou Texas de cara.

“O tempo vai dizer”, sobre correr em ovais em 2022. “Gateway sempre esteve no meu radar, decidi por correr lá depois de St. Pete. Falei com Dale e disse que é o que quero fazer. Muitos caras estão falando que lá rende corrida boa, então quero provar isso, ver até onde vai”, declarou.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!
WEB STORIES: Como foi a quarta vitória de Helio Castroneves na Indy 500?

Romain Grosjean festeja o primeiro pódio na Indy (Foto: Indycar)

“É um bom começo para mim. Pista curta, mais lenta, mais frenagem e aceleração, que eu sinto confiança para começar. Eu preciso fazer trabalho de simulador com a Honda, é claro. Também terei um teste, que é obrigatório para novatos, então vou lá testar”, seguiu.

Grosjean ainda não confirmou se seguirá na Indy em 2022 para uma temporada completa. O acordo assinado com a Dale Coyne previa a substituição do piloto em circuitos ovais pelo brasileiro Pietro Fittipaldi, que curiosamente era reserva da Haas enquanto Romain era titular.

“Estou super feliz por estar nos Estados Unidos, correr na Indy. É uma categoria que amo e me sinto bem. Me vejo aqui por um bom tempo, mas é claro que tudo precisa se ajeitar. Existem grandes oportunidades, então vamos ver como será”, completou.

GP às 10: Vettel e Ferrari mostram na pista que divórcio foi melhor opção

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar