Rossi lamenta punição e batida na Indy 500: “Tínhamos carro para vencer”

Líder por 17 voltas, Alexander Rossi lamentou a punição que o jogou para o fim do grid e o acidente que encerrou os sonhos de uma segunda vitória em Indianápolis

Alexander Rossi era um dos candidatos à vitória na Indy 500, disputada no último domingo, mas viu o sonho do segundo triunfo em Indianápolis encerrado no muro. Após alternar na liderança com Scott Dixon, recebeu uma punição por um toque com Takuma Sato nos boxes, e bateu na volta 144, quando era 17º.

Em entrevista após a corrida, Rossi explicou as dificuldades da curva 2 e lamentou o acidente que o eliminou da corrida.

“Nunca planejamos estar tão atrás. Apenas perdemos, tinha muito ar sujo ali e a curva 2 estava difícil. O time foi incrível, acho que tínhamos carro para vencer”, declarou.

Alexander Rossi liderou por 17 voltas (Foto: Indycar)

O piloto da Andretti também comentou sobre a punição que o jogou para o fundo do grid. Ele afirma que precisa analisar a situação, mas aproveitou para atacar Takuma Sato, vencedor da corrida, por supostas irregularidades em relargadas.

“Eu nem quero falar sobre punição. Terei uma longa conversa com alguém sobre nisso. Obviamente não vi nada, apenas fui quando me falaram, mas o Takuma tem se mexido em reação nas relargadas e não ganha uma punição. Falaremos sobre. Eu não tenho uma opinião agora, obviamente é frustrante e toda história tem dois lados”, completou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube