Sato vence solitário duelo com Rahal e lidera último treino livre antes do Fast Nine

Apenas a dupla da RLL utilizou a pista antes do Fast Nine. Melhor para Takuma Sato, vencedor de 2017, que ficou com o melhor tempo. Sessão que define o pole começa às 14h15

O último treino livre antes do Fast Nine da Indy 500, realizado neste domingo (16), foi pouco movimentado. Dos nove pilotos que poderiam participar da sessão, apenas a dupla da RLL formada por Takuma Sato e Graham Rahal utilizou o tempo disponível.

Quem saiu em vantagem foi o japonês, que anotou 38s959 para liderar a solitária sessão. Enquanto isso, Graham virou 39s258.

O Fast Nine, que define o pole-position da Indy 500, está marcado para começar às 14h15 (de Brasília, GMT -3).

Takuma Sato colocou a RLL no Fast Nine (Foto: Indycar)

Saiba como foi o TL5 da Indy 500

A bandeira verde foi dada às 12h00 (de Brasília). O primeiro carro na pista foi o do japonês Takuma Sato, da RLL, virando 38s984. O vencedor da Indy 500 de 2017 retornou aos boxes após seis voltas.

Graham Rahal, parceiro de Sato na RLL, também foi à pista na metade do treino, anotando três voltas e marcando 39s661 como melhor tempo.

Em um pequeno stint de três voltas, Sato melhorou o tempo, pulando para 38s959. Pouco tempo depois, foi a vez de Rahal sair dos boxes e melhorar para 39s258.

Marco Andretti, Ryan Hunter-Reay, James Hinchcliffe, Alexander Rossi, Scott Dixon, Álex Palou e Rinus VeeKay não deixaram os boxes.

Indy 2020, 500 Milhas de Indianápolis, TL5:

1T SATORLL Honda38.959 13
2G RAHALRLL Honda39.258+0.29910
3A ROSSIAndretti Honda
4J HINCHCLIFFEAndretti Honda
5S DIXONGanassi Honda
6R VEEKAYCarpenter Chevrolet
7A PALOUDale Coyne Honda
8M ANDRETTIAndretti Honda
9R HUNTER-REAYAndretti Honda

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube