Indy

Schmidt Peterson confirma Briscoe como substituto de Hinchcliffe para disputa das 500 Milhas de Indianápolis

Em comunicado publicado nesta quinta-feira (21), a equipe anunciou Ryan Briscoe como novo piloto do carro #5 para a mais tradicional de todas as corridas da Indy, que será disputada pela 99ª vez no domingo. O australiano largará em 32º lugar
Warm Up / Redação GP, de Sumaré
 Ryan Briscoe (Foto: IndyCar/Divulgação)
VIU ESSA? INDY APRESENTA VÍDEO DA INDY 500 DE 2016, A 100ª
Aos 33 anos, Ryan Briscoe disputará pela décima vez as 500 Milhas de Indianápolis. Sua presença foi confirmada na 99ª edição da mais tradicional corrida do automobilismo mundial nesta quinta-feira (21), pela Schmidt Peterson Motorsports, que anunciou o australiano como substituto de James Hinchcliffe, que sofreu gravíssimo acidente na última segunda-feira no Speedway. O canadense chegou a correr risco de morte e passou por cirurgia logo após o acidente. O corpo médico que o atendeu no Hospital Metodista de Indianápolis comunicou que o piloto do carro #5 não tem previsão de retorno às pistas.

Em nove participações na Indy 500, Briscoe tem como melhor resultado dois quinto lugares, obtidos em 2007, como piloto da Luczo-Dragon, e em 2012, já pela Penske. Foi neste mesmo ano que o australiano faturou a pole-position da corrida. Na temporada passada, Briscoe disputou a Indy pela Ganassi, mas não teve seu contrato renovado para 2015.
Sem previsão de retorno às pistas após grave acidente, Hinchcliffe será substituído por Ryan Briscoe em Indianápolis (Foto: AP)
De acordo com o comunicado, Sam Schmidt e Ric Peterson, proprietários da SPM, analisaram uma lista de opções e escolheram Briscoe graças aos resultados obtidos pelo oceânico em sua carreira na Indy. Segundo o regulamento das 500 Milhas de Indianápolis, o piloto largaria da 33ª e última posição. Contudo,embora a princípio se imaginava que o australiano largaria atrás de James Davison — que substituiu Tristan Vautier, responsável por classificar o carro #19 da Dale Coyne, o que foi feito depois que Hinchcliffe classificou seu #5 —, a Indy colocou Briscoe oficialmente como 32º do grid, relegando seu compatriota ao último posto no alinhamento inicial em Indianápolis. 

“Analisamos algumas opções e sentimos confiança em Briscoe. Nós ficamos felizes por ele estar disponível e disposto a correr para nós em um espaço tão curto. Obviamente que esta não era uma situação que nós esperávamos estar para a maior corrida do ano, mas estamos fazendo o melhor possível. Nossos pensamentos e orações estão com James e sua família agora, enquanto trabalhamos nos detalhes para encontrar seu substituto. Estamos empolgados por ter um veterano no #5”, declarou Sam Schmidt.

Briscoe agradeceu à SPM pela convocação e prometeu fazer o melhor trabalho possível em substituição ao piloto canadense. “Em primeiro lugar, eu me sinto extremamente triste por Hinch. Desejo-lhe o melhor e uma recuperação rápida. Diante das circunstâncias, estou muito feliz por ter me sido dada a chance de estar aqui e substituí-lo. Espero fazer um grande trabalho para a equipe e estou ansioso para estar de volta novamente aqui nas 500 Milhas de Indianápolis.”