Único estreante em 2013, Vautier fica satisfeito com classificatório, mas diz: "Ainda tenho muito trabalho"

Piloto francês foi campeão da Indy Lights na última temporada e começou bem seu ano de estreia na principal categoria ao participar da fase final do treino classificatório no último sábado (24)

Campeão da Indy Lights na última temporada, Tristan Vautier ganhou a chance de fazer sua primeira temporada da Indy pela Schmidt Peterson em 2013. E ele mostrou que pode dar trabalho em seu ano de estreia na categoria ao avançar até o Fast Six, fase final do treino classificatório, no último sábado (24), superando nomes como os experientes Dario Franchitti, Scott Dixon e Tony Kanaan.

Assumindo que estava nervoso antes da atividade, o piloto de 23 anos contou que a equipe deu um passo por vez, e isso foi fundamental para ficar bem colocado no grid de largada da primeira corrida do ano.

Tristan Vautier (Foto: Chris Jones/Indycar)

“Estou muito feliz. Para falar a verdade, estava um pouco nervoso no começo da classificação, pois o nosso último treino não foi bom, mas tentamos fazer uma coisa de cada vez e relaxamos. Queríamos chegar ao top-12 e depois ao Fast Six, o que foi complicado”, disse o francês, que é o único estreante nesta temporada da categoria.

“Agora é focar na corrida, que vai ser muito difícil. Tem a degradação dos pneus, o gerenciamento deles e também a estratégia”, completou.

Sabendo que cada final de semana é diferente, Vautier afirmou que não é a prova em São Petersburgo que vai fazer sua carreira ser permanente na Indy. Por isso, segundo ele, manter o foco é fundamental.

“Tudo começa do zero a cada fim de semana e a cada vez que você entra no carro. Não quero dar as coisas por certas. Ainda tenho muito trabalho na consistência. E, como eu disse, a cada fim de semana, tudo começa do zero. Tenho que continuar focado”, finalizou.

O Grande Prêmio acompanha ‘in loco’ a abertura da temporada 2013 da Indy, em São Petersburgo, com o repórter Renan do Couto.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube