29: Quebra de Rosberg e caminho aberto para bicampeonato: o GP de Singapura de 2014

Nico Rosberg teve uma falha mecânica antes mesmo da largada em Singapura e, assim, Lewis Hamilton fez uma desvantagem de 22 pontos virar apenas três de frente

Foi no GP de Singapura, a 14ª etapa do calendário, que o jogo virou em favor de Hamilton. Rosberg havia liderado praticamente o campeonato todo e chegava ao duelo nas ruas asiáticas com uma confortável vantagem de 22 pontos. Só que saiu de lá com três de desvantagem.

É que Rosberg teve uma falha mecânica antes mesmo da largada e completou apenas 13 voltas, mas sempre com um ritmo que mais lembrava a Caterham que a Mercedes. Enquanto isso, Hamilton, saindo da pole, controlou a prova praticamente toda e venceria com longa margem não fosse um safety-car perto da metade da corrida.

Do Canadá/2007 a Eifel/2020: como Hamilton alcançou Schumacher em número de vitórias

Lewis Hamilton brilhou na noite de Marina Bay (Foto: Mercedes)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Com o carro de segurança, Lewis acabou sendo ameaçado pelas Red Bull, inclusive voltando atrás de Sebastian Vettel após a última parada nos boxes, mas se livrando do rival em apenas duas voltas. Hamilton venceu em Singapura com autoridade e embalou, a partir dali uma série de cinco vitórias seguidas para acabar com a disputa com Rosberg.

A primeira temporada que marcou o domínio dos carros prateados, também viu o nascimento de uma das maiores rivalidades do esporte a motor no século: Hamilton x Rosberg.

As vitórias de Lewis Hamilton na Fórmula 1 em imagens

Lewis Hamilton, Mercedes, Fórmula 1
No início do ano, Hamilton criticou a F1 por tentar seguir com o GP da Austrália em meio ao coronavírus. O piloto afirmou que “o dinheiro é rei” (Foto: Reprodução)

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube