Diretor do X Team Mitsubishi revela interesse de Cacá Bueno em disputar etapa do X-Games

Geraldo Rodrigues contou que o atual campeão da Stock Car deseja disputar uma etapa da competição, mas ele salientou que a prioridade de pilotar o carro será de Nelsinho Piquet e Guilherme Spinieli

Há mais de 30 anos no automobilismo, Geraldo Rodrigues trabalhou com inúmeros pilotos em toda sua carreira como chefe de equipe. Entre os jovens que teve a chance de trabalhar, está o próprio Nelsinho Piquet, confirmado para fazer parte do X Team Mitsubishi – equipe formada para disputar esta temporada do X-Games na categoria Globo RallyCross.
 
Rodrigues não poupou elogios a Piquet Jr. e citou um exemplo do que aconteceu no início deste ano, na primeira prova da Nationwide do brasileiro. “Na primeira corrida dele na Nationwide neste ano, eu disse para ele: ‘nosso carro não estava muito bom, né?’, e ele me disse: ‘não, eu que não me achei muito’. É muito legal ele falar esse tipo de coisa, porque nenhum piloto fala que está errado. É sempre o carro ou o engenheiro que errou”, falou Rodrigues, durante a entrevista coletiva realizada nesta segunda-feira (8).

Geraldo Rodrigues e Nelsinho Piquet apresentaram a equipe brasileira do X-Games (Foto: Carsten Horst)

 
O diretor surpreendeu a todos ao revelar que Cacá Bueno, atual campeão da Stock Car e da Copa Fiat e piloto do BMW Team Brazil na GT Series, demonstrou interesse em disputar uma etapa dos X-Games. “Nelsinho vai correr essa primeira etapa, provavelmente o Guiga [Guilherme Spinelli] corre a segunda, e aí temos que saber o calendário dos dois. O projeto deu certo há 20 dias, então vamos ter que adequar isso”, contou.
 
“Também existe o caso de outros pilotos brasileiros que tem bastante interesse em correr. Ontem, quando conversei com Cacá Bueno, por telefone, e ele me disse que poderia falar que ele quer andar no carro. Vamos dar prioridade ao Nelsinho e ao Guiga, e quando tiver oportunidade, vamos colocar outro piloto brasileiro”, revelou.
 
Rodrigues não escondeu o fato de querer usar a competição para tentar criar um novo ídolo no automobilismo brasileiro e mira os exemplos de Ken Block e Travis Pastrana, ídolos dos americanos neste tipo de competição. 
 
“O Globo RallyCross é um circuito fechado e acontece nas etapas dos X-Games e fora delas. Geralmente, é uma competição muito disputada e muito travada. Não tivemos muito tempo para treinar para deixar tudo pronto. O bacana da competição é que ela cria ídolos para a juventude de uma forma muito forte, como Ken Block e Travis Pastrana. Eles são ídolos e os jovens adoram eles. E nossa intenção é criar um Block ou um Pastrana brasileiro”, finalizou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube