Mitsubishi
01/10/2018 08:36

Com piso escorregadio e trecho em área de mineração, ralis Mitsubishi movimentam Joinville

Competições divertem famílias e amigos com belos trajetos fora de estrada a bordo dos 4x4 da Mitsubishi Motors
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Joinville recebeu os ralis Mitsubishi no fim de semana (Foto: Ricardo Leizer)
Os ralis da Mitsubishi Motors movimentaram Joinville no fim de semana. A bordo dos veículos 4x4, famílias e amigos se aventuraram nas trilhas catarinenses no último sábado.
 
As duplas do rali de regularidade Mitsubishi Motorsports encararam trechos com piso escorregadio, devido à chuva dos últimos dias, e aproveitaram os visuais da região sul de Santa Catarina. As duplas mais experientes precisaram ficar atentas à planilha para percorrer o caminho correto dentro da área da mineração Veiga no município de Araquari. Já no Mitsubishi Outdoor, rali multitarefa, as equipes, formadas por dois carros e até dez pessoas, precisaram definir a melhor estratégia para fazer atividades esportivas e culturais.
 
“A prova é de lavar a alma, a equipe Mitsubishi está de parabéns”, disse o participante Patrick Celeski. “Além da competição, a gente encara como um lazer. Vamos focados, mas também para curtir novas paisagens e lugares”, seguiu.
Joinville recebeu os ralis Mitsubishi no fim de semana (Foto: Ricardo Leizer)
Campeões do Mitsubishi Motorsports, o rali de regularidade
 
O rali de regularidade da marca dos três diamantes é realizado há 24 anos e tem quatro categorias, para todos os níveis: Turismo Light, Turismo, Graduados e Master.
 
Na Master, categoria criada para os experts, Renato Martins e Enedir Junior venceram em Joinville. “Este ano é a primeira prova que corremos, então somamos 100% de aproveitamento”, comentou Renato. “Vim de Belo Horizonte e ele, de Chapecó. Vale a viagem, a prova é sensacional”, elogiou.
 
Já na Graduados, para os bem experientes, uma dupla feminina garantiu o primeiro lugar: Sandra Dias e Minae Miyauti, a bordo de um Pajero Full. “Não tem como acreditar! Essa prova é espetacular e dificílima. Erramos bastante, mas andamos bem”, celebrou Sandra. “Regularidade é mão, treino, e a dupla precisa de sincronia. É bacana porque não é porque você errou que já perdeu, todo mundo tem chance. Só acaba mesmo quando termina. O pódio foi surpresa, mas estar aqui é também sobre encontrar amigos”, explicou a navegadora Minae. “Rali é vida”, concluiu a piloto.
 
Na categoria Turismo, para quem tem experiência intermediária, a dupla Patrick Celeski e Felipe Pachewsky celebrou a vitória. “Considerando que Joinville é sempre a prova mais difícil do campeonato, foi uma surpresa! Estamos muito felizes, foi show de bola”, comemorou o navegador.
 
Na categoria Turismo Light, para os competidores que estão começando no rali, Anderson Sihii e Ivanilda Martins celebraram a conquista do primeiro lugar, a bordo de uma L200 Triton, e também de uma enorme superação pessoal. “Começamos a correr há exatamente um ano. Ela tinha tido um AVC e uma embolia pulmonar, e o rali tem sido um importante estímulo cerebral. Fazer a prova nos aproximou demais... O bacana não é só competir e ganhar, mas o entrosamento do casal”, celebrou Anderson. “Estamos muito felizes”, concluiu Ivanilda.
 
Ivo e Marli Dittrichi também competiram na Turismo Light, mas na categoria ASX. O casal de Foz de Iguaçu (PR) está viajando o Brasil para participar dos eventos off-road da marca dos três diamantes. “Estou aposentada depois de 41 anos de sala de aula, e quero aproveitar a vida”, contou Marli. “Essa prova é excelente, deu para conhecer o quanto o ASX é valente. Passamos por barro, valas, erosões e em nenhum momento o carro deixou a desejar”, contou Ivo. “Agora vamos de Joinville para Foz do Iguaçu, e depois vamos para o [passeio off-road] Mitsubishi Experience 4x4 em João Pessoa (PB) e para o Mitsubishi Motorsports em Salvador (BA)”. Mas não é apenas o destino que importa, garante Marli: “A gente vai aos poucos, conhecendo os lugares e aproveitando tudo.”
 
Mitsubishi Outdoor, o rali de estratégia e tarefas
Mitsubishi Outdoor é o rali de tarefas na marca dos três diamantes (Foto: Cadu Rolim)
O rali multitarefa largou do Parque Malwee e percorreu a região de Jaraguá do Sul, Corupá, Rio dos Cedros e Pomerode, marcadas pela influência europeia.
 
As equipes, formadas por dois carros e até dez participantes, precisaram planejar seus trajetos para fazer o maior número de atividades, como trekking, mountain bike com vista para uma cachoeira e trechos de 4x4. A cultura da região marcou presença, com o vogelstechen, prova que consiste em mirar um pássaro de madeira, pendurado num cabo, em um alvo, e o “jibata”: os participantes precisaram guiar um carro artesanal, usado pelos moradores das fazendas da região.
 
Na categoria Fun, competindo com uma picape L200 e um Pajero Full, a equipe Tintas Brasil celebrou a vitória. “Fui convidado pelo meu irmão, que já veio em outras etapas, e foi uma novidade. Bem gostosa a prova e ainda dei sorte de pegar primeiro lugar. Já sou meio aventureiro e quis uma experiência diferente. Foi bem legal”, celebrou Marcos Lira de Souza. “Depois que ele comprou um Mitsubishi, o convidei. Hoje trouxemos também nosso pai, foi um dia bem bacana”, contou Willian Lira, o irmão anfitrião. “Gosto de aventura e vou voltar com certeza”, garantiu Marcos.
 
Já na Extreme, para as equipes mais competitivas, Promed Rally subiu ao lugar mais alto do pódio. “Este ano tínhamos conseguido só um primeiro lugar, batemos na trave em várias etapas”, contou Fabio Bauer. “Tenho uma estante bacana de vidro, com luz indireta, cheia de medalhas, que exibo para as visitas. Aqui é campeão!”, divertiu-se. “Foi uma prova bacana, com piso escorregadio, e as tarefas estavam muito legais: bike, água, 4x4... Acabamos fazendo quase o mapa inteiro e conseguimos 5751 pontos, ficamos surpresos e satisfeitos”, celebrou Julio Lopes.
 
Próximas etapas: Salvador (BA) e Mogi Guaçu (SP)
 
O rali de regularidade Mitsubishi Motorsports volta ao Nordeste e convida os competidores a desbravarem os caminhos off-road de Salvador, na Bahia, no dia 27 de outubro.
 
Já no dia 24 de novembro, as duas competições – Mitsubishi Motorsports e Mitsubishi Outdoor – fazem suas etapas finais em Mogi Guaçu (SP), em uma grande festa off-road. Acompanhe a programação e inscreva-se no site: www.mitralis.com.br.
 
Calendário 2018 - Mitsubishi Motorsports
8ª etapa - 27 de outubro – Salvador (BA)
9ª etapa - 24 de novembro – Autódromo Velo Città – Mogi Guaçu (SP) 
 
Calendário 2018 - Mitsubishi Outdoor
6ª etapa - 24 de novembro – Autódromo Velo Città – Mogi Guaçu (SP)
*Datas e locais sujeitos a alterações.