Granado vence corrida 2 da MotoE interrompida por bandeira vermelha em Assen

Eric Granado venceu uma corrida 2 conturbada na Holanda, que foi encerrada a três voltas para o fim. Os pilotos na zona de pontuação receberam metade dos pontos

MOTOGP | DO DOMÍNIO DE MARC MÁRQUEZ AO ZERO: A HONDA DE PONTA CABEÇA NA ALEMANHA

Numa prova marcada por muito atrasado devido às condições climáticas, a MotoE realizou sua etapa na Holanda. A vitória ficou com Eric Granado, que liderava a prova a três voltas para o fim. Após um acidente de bandeira vermelha entre Marc Alcoba e Miquel Pons, a direção de prova decidiu por encerrar as atividades e, portanto, o brasileiro ficou com a vitória.

No entanto, por estarem a três voltas para o fim, metade dos pontos foram dados aos pilotos. Dominique Aegerter e Mattia Casadei fecharam o pódio. Completam o top-10: Matteo Ferrari, Niccolo Canepa, Alex Escrig, Kevin Manfredi, Maria Herrera, Kevin Zannoni e Hector Garzó.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

A MotoE também entra de férias e volta às pistas no dia 21 de agosto para o eP da Áustria, no Red Bull Ring. O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do Mundial de Motovelocidade 2022.

Saiba como foi a corrida 2 da Copa do Mundo de MotoE em Assen:

O tempo ainda era instável, mas sem chuva para a Copa do Mundo de MotoE em Assen. A temperatura estava em 22°C, com o asfalto chegando a 28°C. A velocidade do vento era de 10 km/h, enquanto a umidade relativa do ar estava na casa de 58%.

Antes mesmo de começar, a direção de prova comunicou que a corrida seria atrasada por conta da possibilidade de chuva. Não demorou muito para começar a apertar. O público nas arquibancadas já abria o guarda-chuva e vestia a capa. E o que se tornou opcional virou obrigatório. As equipes começaram a calçar pneus de chuva.

Largada foi duas vezes adiada (Vídeo: MotoGP)

Pouco mais de 25 minutos, os pilotos foram à pista para entender as condições. Embora a chuva tivesse parado, a direção de prova exigiu pneus de chuva, mas nem todos os pilotos seguiram o comando. Por isso, mais uma vez, a largada foi adiada.

Exatamente às 11h (de Brasília), a corrida foi iniciada. Dominique Aegerter perdeu a ponta para Mattia Casadei, que deu o bote em quatro pilotos. Aegerter, Matteo Ferrari e Eric Granado vinham atrás. A briga entre o piloto da Pons e o da Intact GP seguia intensa, mas Mattia levava a melhor.

A cinco para o fim, Granado deu o bote em Ferrari e assumiu a terceira posição. Pons se aproveitou, e Ferrari caiu para quinto. Enquanto isso, asadei abria 0s242 para Dominique.

Largada da prova (Vídeo: MotoGP)

O brasileiro não demorou para atacar Aegerter e deu certo. Tomou a segunda posição e por pouco não tomou a liderança. Aconteceu segundos depois. Casadei e Aegerter vinham atrás. As primeiras quedas aconteceram num acidente entre Marc Alcoba e Pons, causando bandeira vermelha.

Com isso, a direção de prova decidiu por encerrar a prova e dar metade dos pontos aos pilotos na zona de pontuação. Eric venceu, com Aegerter e Casadei completando o pódio.

MotoE, etapa da Holanda, Assen, Corrida 2:

1E GRANADOLCR E-Team5min21s0944 voltas
2D AEGERTERDynavolt Intact+0.270 
3M CASADEIPons Racing+0.556 
4M FERRARIFelo Gresini+0.646 
5N CANEPAGRT RNF+2.784 
6A ESCRIGTech3 E-racing+2.805 
7K MANFREDIOCTO Pramac+3.751 
8M HERRERAOpenbank Aspar+4.143 
9K ZANNONIOngetta Squadracorse+4.216 
10H GARZÓTech3 E-racing+5.519 
11H OKUBOAvant Ajo+9.943 
12A FINELLOFelo Gresini+10.094 
13M ALCOBAOpenbank Aspar+10.194 
14U ORRADREAvintia Esponsorama+19.991 
15X FORÉSOCTO Pramac+27.224 
16J TORRESPons Racing+31.337 
17B SMITHWithU GRT RNF MotoE Team+36.615 
18M PONSLCR E-TeamAbandonou 

MILLER MANTÉM STATUS, MAS DÁ PASSO ATRÁS COM IDA PARA KTM NA MOTOGP
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Escanteio SP.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar