Tunisiano Taoufik Gattouchi morre aos 49 anos em acidente em categoria de apoio da MotoGP no Catar

O piloto tunisiano Taoufik Gattouchi, de 49 anos, morreu em um acidente generalizado na curva 3 de Losail na Losail 600 Cup, categoria de apoio da MotoGP

O piloto da Tunísia Taoufik Gattouchi morreu nesta sexta-feira (18) durante prova da Losail 600 Cup. Gattouchi tinha 49 anos e sofreu um forte acidente que envolveu outros pilotos na curva 3 na décima volta.
 
Em comunicado oficial, a MotoGP e a FIM explicaram o acidente e garantiram que o tunisiano foi imediatamente transferido para o hospital em Doha, mas não resistiu.
 
"É com grande tristeza que informamos a morte do tunisiano Taoufik Gattouchi. A corrida foi imediatamente paralisada na décima volta após um incidente entre vários pilotos na curva 3 e Gattouchi, número #67, imediatamente recebeu atendimento médico especial. O piloto de 49 anos foi imediatamente transportado de helicóptero para o Hospital Hamad em Doha, mas não resistiu aos ferimentos".
Taoufik Gattouchi morreu aos 49 anos em prova no Catar (Foto: MotoGP)
Por fim, o artigo das entidades prestou solidariedade aos entes do piloto.
 
"A FIM, a Dorna, o Losail Circuit Sports Club, a QMMF e toda a comunidade da MotoGP presta condolências aos familiares e amigos de Gattouchi".

A MotoGP retoma suas atividades neste sábado com os treinos classificatórios. O da Moto3 acontece a partir de 12h (em Brasíia), a da Moto2 tem início 12h55, enquanto a MotoGP define seu grid a partir das 14h35.
 

VEJA A EDIÇÃO #20 DO PADDOCK GP, QUE ABORDA F1, MOTOGP, INDY E F-E

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)<0?n+="px":n,cc.style.display="",s2.width=n,window.frameElement&&(s1.height=c2.offsetHeight+5+"px"),t=500,s1.width="100%"}rs(t)},200)}var c1=window.frameElement?window.frameElement:document.getElementById("crt_ftr"),c2=document.getElementById("crt_ftr"),s1=c1.style;s1.position="fixed",s1.bottom="-4px",s1.left="0px",window.frameElement&&(s1.height="0"),c2.style.textAlign="center",s1.zIndex="60000";var cc=document.getElementById("crt_cls"),s2=cc.parentNode.style;cc.onclick=function(){s1.display="none"};var t=0;rs(0);

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth < 970) ? 302357 : 302359;
document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube