Aleix Espargaró fratura dedo da mão esquerda em queda na Austrália, mas fala em correr na Malásia

Aleix Espargaró não contou muito com a sorte durante o GP da Austrália deste domingo. Quando vinha na briga do pelotão da frente, o piloto acabou cometendo um erro e caindo. Como resultado do acidente, sofreu uma fratura no dedo anelar da mão esquerda. Apesar da lesão, o espanhol decidiu não operar para poder tentar correr o GP da Malásia da próxima semana

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Aleix Espargaró sofreu um golpe de má sorte durante o GP da Austrália deste domingo (22). Após largar da oitava posição, o piloto já aparecia em sexto quando sofreu um acidente e caiu de sua moto.
 

Na sétima volta da prova em Phillip Island, o espanhol da Aprilia já brigava com o pelotão da frente pelos postos da ponta. No entanto, o competidor acabou cometendo um erro na pista, o que resultou em sua queda.
 
Como consequência do acidente, Aleix sofreu uma fratura no dedo anelar da mão esquerda, segundo confirmaram os médicos do circuito que realizaram um raio-x. Em um primeiro momento, os doutores recomendaram ao competidor operar o membro.

Mas o #41 preferiu procurar uma segunda opinião, indo direto aos médicos do Mundial de Motovelocidade. Com isso, tomou a decisão de apenas imobilizar o dedo, esperar passar a inflamação e tentar se recuperar sem ter que passar pela sala de cirurgia.

Aleix sofreu uma fratura em seu dedo da mão esquerda (Foto: Reprodução)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Aleix tentará correr o GP da Malásia, que acontece no próximo final de semana, sem ter que operar o dedo. Caso o piloto operasse a mão esquerda, dificilmente os médicos do circuito malaio dariam ok para sua participação na prova.

Ao comentar sobre a lesão, o titular da Aprilia lamentou o ocorrido pelo fato de estar competitivo na prova. No entanto, ressaltou o desejo de correr na Malásia na próxima semana. “A corrida estava indo bem”, disse.
 
“Tirando uma largada não tão perfeita, eu tinha voltado para o grupo da ponta e me sentia bem. Infelizmente, quando fui tentar ultrapassar [Jack] Miller, eu acabei abrindo muito, passei pela parte suja do traçado e escorreguei. Eu devo participar da corrida na Malásia mesmo com minha mão machucada. Veremos quais serão as condições na sexta”.

O #41 foi o único a abandonar a corrida deste domingo, que teve vitória de Marc Márquez. Valentino Rossi e Maverick Viñales foram os nomes que completaram o pódio da prova. Andrea Dovizioso, que está na briga pelo título, sofreu um revés e terminou apenas em 13º, vendo suas chances de ser campeão diminuirem drasticamente.
 
RITMO DE FESTA

PADDOCK GP CHEGA À EDIÇÃO 100 COM HISTÓRIAS IMPERDÍVEIS DE EDGARD MELLO FILHO

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube