Aniversariante do dia, Khairuddin conquista primeira pole na Moto3 correndo em casa na Malásia

Zulfahmi Khairuddin comemorou a primeira pole-position da carreira na Moto3 ao cravar o tempo de 2min13s885 no treino classificatório em Sepang justamente no dia do aniversário de 21 anos

►Veja as melhores imagens deste sábado de Mundial de Motovelocidade em Sepang

Zulfahmi Khairuddin tem todos os motivos para comemorar neste sábado (20). O malaio já acordou de bom humor, afinal, hoje completa 21 anos de idade. O presente, no entanto, só veio na parte da tarde, quando conquistou a pole-position para a etapa de Sepang da Moto3 ao cravar o tempo de 2min13s885. Essa é a primeira vez que o piloto asiático larga na frente na categoria.

O desempenho do aniversariante foi irretocável. Durante todo o treino classificatório, o piloto da Malásia se colocou na briga pela primeira colocação. Apesar disso, a volta rápida só veio no fim da atividade, em um duelo que também contou com os alemães Jonas Folger e Sandro Cortese, o líder do campeonato.

Os dois europeus bem que tentaram, mas ninguém conseguiu tirar o doce – digo, o bolo de aniversário – da boca de Khairuddin. Com isso, Folger foi obrigado a se contentar com o segundo tempo, enquanto Cortese sai em terceiro.

Louis Rossi cravou a quarta melhor marca, seguido por Luis Salom. No entanto, como o espanhol foi punido na última etapa, ele vai largar apenas em décimo. Com isso, Miguel Oliveira herdou o quinto posto, e o grupo dos dez primeiros colocados ainda contou com Efrén Vazquez, Brad Binder, Álex Rins e Adrian Martín, além de Salom.

Khairuddin vai largar na frente correndo em casa (Foto: MotoGP)

Confira como foi o treino classificatório da Moto3:

O treino nem bem começou, e Miguel Oliveira logo teve um problema com a moto, precisando retornar aos boxes correndo para conseguir salvar a atividade. Enquanto o luso corria, os demais competidores apenas completaram voltas de instalação pela pista de Sepang. Nesse meio tempo, quem também logo foi ao chão foi Romano Fenatti, que escorregou na tangência de uma curva.

Em meio ao caos, o primeiro a cravar a volta rápida foi Danny Webb, com 2min26s756. No entanto, o tempo do britânico ainda estava muito acima das marcas competitivas, já que o asfalto estava liso devido à chuva que caiu durante o treino da Moto2. Tanto é, que o próprio Webb rapidamente baixou o próprio tempo em 2s.

Na sequência, foi a vez de Alberto Moncayo assumir a primeira colocação da tabela de tempos, até Luis Salom, com 2min20s271 se tornar o ponteiro. Em seguida, Webb pulou para o segundo posto, com Moncayo vindo logo em seguida.

No entanto, os tempos continuaram a baixar rapidamente. Zulfahmi Khairuddin, para alegria da torcia malaia, assumiu a pole provisória, com Efrén Vazquez aparecendo em segundo. Na volta seguinte, porém, o espanhol deu o troco e avançou para a primeiro.

A briga entre os dois pilotos esquentou, com Khairuddin retomando a ponta, mas logo Jonas Folger mostrou que não é favorito por acaso e assumiu a pole provisória com o tempo de 2min16s371. Na volta seguinte, o germânico baixou ainda mais o tempo, abrindo cerca de 0s5 para o restante do grid.

Líder do campeonato, Sandro Cortese pulou para o segundo posto, completando a dobradinha germânica na metade da sessão.

Faltando 15 minutos para o final, o alemão voltou a acelerar forte e pulou para a ponta. O piloto, porém, nem teve muito tempo para comemorar, já que Khairuddin completou a volta rápida e retomou a pole provisória. E o asiático não parou por aí. Na volta seguinte, o malaio baixou em – pasme – 1s a própria marca.

Só que Khairuddin também não teve muito tempo para comemorar, já que Folger conseguiu recuperar a liderança com apenas 0s02 de vantagem para o adversário. Mas o dia era mesmo do malaio. Tão logo retornou dos boxes, o piloto da casa voltou a ocupar a ponta e viu Folger e Cortese errarem em suas voltas rápidas. Assim, foi preciso apenas administrar a vantagem para conquistar a primeira pole da carreira.

Moto2, Sepang, grid de largada:

 

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube