Antonelli dá bote no fim e supera Binder por 0s007 para conquistar primeira vitória do ano na Moto3 no Catar

Doente e com dores no ombro recém-lesionado, Niccolò Antonelli guardou suas forças para o fim e bateu Brad Binder por 0s007 para conquistar a primeira vitória do ano. Francesco Bagnaia completa o top-3

A Moto3 nunca decepciona. Neste domingo (20), na abertura da temporada 2016, os fãs foram brindados com uma prova bem na característica da categoria, com os pilotos grudados durante todas as voltas e o vencedor definido nos metros finais, com Niccolò Antonelli batendo Brad Binder por 0s007.

 
O sul-africano liderou boa parte da corrida, sempre se revezando na ponta com Romano Fenati. Nas voltas finais, o piloto da VR46 errou e se afastou do comando, com Antonelli aparecendo para entrar na briga.
Niccolò Antonelli venceu mesmo doente e com dores (Foto: Divulgação/MotoGP)
EXCLUSIVO

Stop & Go: Romano Fenati
Mesmo com gripe e com dores no ombro recém-lesionado, o piloto da Ongetta lançou mão de uma estratégia certeira e guardou o ataque final para a reta de Losail, onde bateu o piloto da Red Bull KTM Ajo, que segue em busca de seu primeiro triunfo.

0s141 atrás de Antonelli, Francesco Bagnaia colocou a Mahindra no terceiro posto, à frente de Fenati. O italiano largou na pole e chegou a brigar pelo triunfo, mas um erro no fim o tirou até mesmo do pódio.
 
Enea Bastianini começou discreto, mas tratou de escalar o pelotão para receber a bandeirada na quinta colocação. Estreante, Nicolò Bulega chegou a assumir a ponta, mas acabou em sexto, à frente de Jorge Navarro.
 
Destaque ao longo dos treinos, Livio Loi não correspondeu às expectativas. O belga teve uma atuação apagada e ficou apenas em oitavo, com Philipp Oettl e Jakub Kornfeil completando o top-10.
 
Saiba como foi o GP do Catar de Moto3:
 
Depois de meses de espera, chegava a hora da abertura da temporada 2016 do Mundial de Moto3. Quando os pilotos da categoria menor alinharam no grid de Losail, os termômetros marcavam 22°C, com a pista chegando aos 28ºC e o vento soprando a uma velocidade de 11 km/h.
 
Nesta abertura de temporada, Fenati superou Loi para conquistar a segunda pole da carreira. Mesmo derrotado, o belga pôde comemorar a primeira visita à linha inicial do grid, à frente de Quartararo.
 
Estreante no Mundial, Arón Canet conquistou o quinto posto no grid, o melhor resultado de um debutante na classe menor desde que Scott Redding largou em quarto no GP do Catar de 2008.
 
Para a prova deste fim de semana, a Dunlop, fornecedora única da categoria, levou os compostos dianteiros macios e médios, e traseiros macios ‘S1’ e médios ‘M1’. No grid, todos optaram por um par de pneus médios.
Brad Binder segue buscando sua primeira vitória (Foto: Red Bull KTM Ajo)
Quando as luzes se apagaram, Fenati saiu lindamente e conseguiu manter a ponta, à frente de Loi, Binder, Bastianini e Navarro. Bastianini começou a escalar e pulou para quinto, seguido por Antonelli, Bagnaia, Quartararo, Mit e Canet.
 
Ainda no primeiro giro, Loi atacou Fenati e assumiu a ponta, com Binder aproveitando para tomar o comando. 
 
Na reta, Binder usou o vácuo e assumiu a liderança, com Navarro, Bastianini, Fenati e Antonelli completando o top-5. Loi, por outro lado, despencou para décimo.
 
Na abertura da volta seguinte, Navarro conseguiu assumir a ponta, mas não durou muito na liderança, já que Binder respondeu rapidamente. O gripado Antonelli vinha em terceiro, à frente de Fenati.
 
Na reta, Fenati conseguiu voltar a liderança, seguido por Binder, Navarro, Bagnaia e Antonelli, que deu uma leve errada ao contornar a curva 1. 
 
Como normalmente acontece na Moto3, o pelotão seguiu colado. Mais atrás, o estreante Bulega começava a escalar, aparecendo em nono, 0s139 atrás de Guevara.
 
De novo na reta, Binder recuperou a liderança, agora com Navarro surgindo para ocupar a segunda colocação. Antonelli passou Bagnaia pelo terceiro posto, com Fenati caindo para quinto.
 
Mais uma vez, o vácuo ajudou a mudar a ordem na reta de Losail. Fenati recobrou a ponta, seguido por Navarro, Antonelli, Binder e Bagnaia. Sexto, Bulega ia encostando no pelotão.
 
Binder voltou a se colocar na liderança, à frente de Navarro e Antonelli. Fenati caiu para quinto, 0s764 à frente de Bulega, que tinha voltado a se afastar do pelotão.
 
Fenati, então, voltou a galgar posições pulando para segundo, 0s275 atrás de Binder. Bagnaia era o terceiro, à frente de Navarro, Antonelli, Bulega, Loi, Quartararo e Bastianini.
 
Na oitava volta, Fenati retomou a ponta, com Binder caindo para segundo, à frente de Bagnaia. Sexto, Bulega já estava colado em Navarro.
Livio Loi teve uma atuação bem apagada em Losail (Foto: RW)
Brad chegou a recuperar a liderança, mas levou o troco de Romano pouco depois. O titular da Red Bull KTM Ajo insistiu e pulou na frente na curva 1. Bagnaia era o terceiro, à frente de Navarro e Bulega. 
 
No giro seguinte, Fenati mais uma vez recuperou a liderança, com Navarro e Bulega completando o top-3.
 
Como sempre, a reta movimentou a ordem, com Binder passando para a ponta e Navarro tomando de Fenati o segundo posto. O piloto da VR46, entretanto, não tardou a dar o troco no espanhol.
 
Com sete voltas para o fim, Bulega colocou por dentro para passar Navarro, mas o piloto da Estrella Galicia 0,0 conseguiu defender a posição. O #8 seguia por perto e tinha Bagnaia e Antonelli colados atrás.
 
Na passagem seguinte, Fenati usou o vácuo e voltou para a ponta, com Binder, Navarro, Bulega e Bagnaia completando o top-5.
 
A inversão entre Binder e Fenati rolou outra vez, com Navarro de novo tentando se intrometer, mas sendo afastado pelo italiano. 
 
A troca aconteceu mais uma vez e, então, Bulega conseguiu passar Navarro. Pouco depois, com quatro giros para o fim, o estreante mergulhou por dentro e tomou a ponta.
 
Binder logo acabou com a graça e reassumiu a liderança, com Fenati aparecendo em terceiro, pressionado por Antonelli.
 
Fenati, então, passou o companheiro de equipe e seguiu para a ponta, com o #8 também deixando Binder para trás para se instalar em segundo. O sul-africano, no entanto, agiu rápido e voltou ao segundo lugar.
 
Metros depois, Bulega votou a dar as cartas, se instalando à frente de Fenati ao passar por dentro. Binder era terceiro, com Navarro em quarto. 
 
No vácuo, Romano tirou a liderança de Niccolò, mas Brad foi quem assumiu a liderança. Navarro subiu para terceiro, à frente de Bagnaia e Bulega.
 
Na ponta, Binder conseguiu abrir vantagem o suficiente para anular o efeito do vácuo e se manter na ponta. Antonelli pulou para segundo, à frente de Navarro e Bulega. Fenati, por sua vez, errou a curva e caiu para sexto.
 
Na última volta, Antonelli colou em Binder para tentar dar o bote na reta. A estratégia funcionou perfeitamente e o italiano recebeu a bandeirada com 0s007 de margem para Brad.

Moto3, Catar, Losail, Classificação Final:

1 23 NICCOLÒ ANTONELLI ITA ONGETTA Honda 38:12.161 18 voltas  
2 41 BRAD BINDER RSA RED BULL KTM AJO +0.007    
3 21 FRANCESCO BAGNAIA ITA ASPAR Mahindra +0.148    
4 5 ROMANO FENATI ITA VR46 KTM +0.435    
5 33 ENEA BASTIANINI ITA GRESINI Honda +0.606    
6 8 NICOLÒ BULEGA ITA VR46 KTM +0.625    
7 9 JORGE NAVARRO ESP ESTRELLA GALICIA 0,0 Honda +0.674    
8 11 LIVIO LOI BEL RW Kalex Honda +1.710    
9 65 PHILIPP OETTL ALE SCHEDL GP KTM +8.611    
10 84 JAKUB KORNFEIL TCH SEPANG Honda +10.947    
11 95 JULES DANILO FRA ONGETTA Honda +12.379    
12 36 JOAN MIR ESP KIEFER KTM +12.379    
13 20 FABIO QUARTARARO FRA KIEFER KTM +12.401    
14 64 BO BENDSNEYDER HOL RED BULL KTM AJO +12.726    
15 44 ARÓN CANET ESP ESTRELLA GALICIA 0,0 Honda +12.784    
16 6 MARÍA HERRERA ESP HUSQVARNA LAGLISSE +12.939    
17 16 ANDREA MIGNO ITA VR46 KTM +17.152    
18 76 HIROKI ONO JAP TEAM ASIA Honda +17.367    
19 91 GABRIEL RODRIGO ARG RBA KTM +17.451    
20 7 ADAM NORRODIN MAL SEPANG Honda +17.519    
21 55 ANDREA LOCATELLI ITA KIEFER KTM +17.566    
22 89 KHAIRUL IDHAM PAWI MAL TEAM ASIA Honda +17.608    
23 40 DARRYN BINDER RSA AMBROGIO Mahindra +31.939    
24 10 ALEXIS MASBOU FRA SAXOPRINT Peugeot +31.949    
25 58 JUANFRAN GUEVARA ESP RBA KTM +32.120    
26 4 FABIO DI GIANNANTONIO ITA GRESINI Honda +32.333    
27 17 JOHN McPHEE ING SAXOPRINT Peugeot +32.547    
28 24 TATSUKI SUZUKI JAP CIP Mahindra +32.812    
29 43 STEFANO VALTULINI ITA TEAM ITALIA Mahindra +34.584    
30 98 KAREL HANIKA TCH AMBROGIO Mahindra +59.105    
31 77 LORENZO PETRARCA ITA TEAM ITALIA Mahindra +59.109    
32 88 JORGE MARTÍN ESP ASPAR Mahindra NC    
33 3 FABIO SPIRANELLI ITA CIP Mahindra NC    
               
POLE ROMANO FENATI ITA VR46 KTM 2:06.131 153.5 km/h  
VOLTA MAIS RÁPIDA LIVIO LOI BEL RW Kalex Honda 2:06.171 153.5 km/h  
RECORDE ALEXIS MASBOU FRA ONGETTA Honda 2:05.862 153.8 km/h  
MELHOR VOLTA LIVIO LOI BEL RW Kalex Honda 2:05.832 153.9 km/h  
               
    Condições do tempo   PISTA SECA   ar: 22ºC | pista: 29ºC  
 
VEJA A EDIÇÃO #20 DO PADDOCK GP, QUE ABORDA F1, MOTOGP, INDY E F-E

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube