Campeão na Moto2, Márquez relembra grave lesão e exalta atuação de Espargaró em 2012

Marc Márquez garantiu o título da Moto2 no último domingo (28) ao cruzar a linha de chegada de Phillip Island na terceira colocação. Espanhol relembrou lesão que quase o afastou das pistas e exaltou atuação de Pol Espargaró na temporada

 

►Confira as melhores imagens do Mundial de Motovelocidade em Phillip Island

Depois de uma queda na Malásia ter adiado o triunfo de Marc Márquez na Moto2, o jovem espanhol enfim pôde comemorar seu primeiro título na categoria intermediária do Mundial de Motovelocidade. O piloto da Catalunya garantiu o terceiro lugar no GP da Austrália nos metros finais ao passar Scott Redding e assegurou o campeonato ao atingir os 299 pontos, 39 a mais que Pol Espargaró, com uma corrida para o fim do Mundial.

 
“É uma sensação incrível, um sonho”, afirmou Marc. “Quando você cruza a linha de chegada, é um ótimo momento, mas acontece muito rápido. A melhor parte vem com a celebração com o time”, frisou. 
 
“É muito satisfatório conquistar o título. Neste momento, me lembrei dos períodos difíceis neste ano, as lesões, o apoio da minha família e do meu time. Não consigo evitar me emocionar”, continuou.
Primeiro abraço no novo campeão foi dado pelo irmão, Álex (Foto: Repsol)

Com o troféu garantido, Márquez fez questão de exaltar a atuação de Espargaró na temporada. “Foi uma conquista de título muito difícil, pois Pol não facilitou em nada para mim e merece os meus parabéns pela grande temporada que teve”, destacou. 

 
Aos 19 anos, Marc também lembrou que seu segundo título mundial chega após uma lesão que quase o afastou das pistas. No ano passado, Márquez sofreu um acidente em Sepang, que teve como consequência um edema periorbitário, lesão que produz a chamada visão dupla.
 
O processo de recuperação foi muito mais lento que o esperado e nem mesmo uma cirurgia foi capaz de acelerar a melhora, o que fez com que o piloto perdesse quase toda a pré-temporada de 2012.
 
“Depois da séria lesão que sofri um ano atrás, que poderia ter me tirado das corridas para sempre, a coisa mais importante é que eu pude voltar a correr”, considerou. “Esta temporada o time formou um grupo magnífico. Eu nunca me senti tão confortável em uma equipe antes. Temos confiança total uns nos outros”, completou.
 
Márquez agora vai celebrar seu triunfo em casa, no circuito de Valência, e logo na sequência fará seu primeiro teste com a Honda que vai guiar na temporada de 2013 da MotoGP.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube