Cansada da chuva, Yamaha confirma que segue para circuito de Aragón para continuar teste

A Yamaha anunciou nesta terça-feira (13) que continuará em Valência para concluir o programa de testes. Casa de Iwata segue para Aragón, onde testa amanhã

 

► Diretor do GP da Argentina garante que prova será confirmada com homologação da pista


A Yamaha confirmou no início da tarde desta terça-feira (13) que não vai continuar em Valência para completar o programa de testes coletivos no circuito Ricardo Tormo. Uma chuva constante atrapalhou as atividades em pista nesta manhã e o time decidiu ir para Aragón, onde se juntará a equipes do Mundial de Superbike. 

Valentino Rossi, que volta ao time após dois anos na Ducati, foi o único representante de Iwata a se arriscar na pista nesta manhã, mas as condições da asfalto impedem testes mais detalhados com a M1.

Italiano foi a grande atração desta terça em Valência (Foto: MotoGP)
Confira o comunicado da Yamaha:
 
Devido ao clima restritivo, a  Yamaha Factory Racing não vai permanecer no circuito Ricardo Tormo, em Valência, para o restante do programa de testes.
 
O time irá nesta noite para o Motorland de Aragón para um teste de um dia, amanhã, 14 de novembro. 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube