carregando
MotoGP

Chefe lista títulos e nega que Honda seja difícil: “Venceu com diferentes pilotos”

Chefe da Honda. Alberto Puig negou que a RC213V seja uma moto difícil. O dirigente considerou que o fato de vários pilotos terem conquistado o título com a marca é uma evidência disso

Warm Up / Redação GP, de São Paulo
Chefe da Honda, Alberto Puig negou que a RC213V seja uma moto difícil. O espanhol avaliou que o fato de que quatro pilotos diferentes conquistaram o título com a marca da asa dourada nos últimos 18 anos é uma evidência disso.
 
Neste período, Valentino Rossi venceu os campeonatos de 2002 e 2004, Nicky Hayden foi campeão em 2006, Casey Stoner em 2011, e Marc Márquez em 2013, 2014, 2016, 2017, 2018 e 2019 na MotoGP.
 
“O fato é que, acho que nos últimos 18 anos, a Honda venceu o título dez vezes com quatro pilotos diferentes”, disse Puig. “A Yamaha venceu com dois [Rossi em 04, 05, 08 e 09 e Lorenzo em 10, 12 e 15] e a Ducati com um [Stoner em 07]”, comparou.
Alberto Puig (Foto: Reprodução)
Paddockast #46
OS 10 MELHORES PILOTOS DA DÉCADA


Ouça:
Spotify | iTunes | Android | playerFM

“Então, com os fatos, podemos dizer que a moto mais fácil de pilotar é a Honda, porque venceu o campeonato com muitos pilotos”, ponderou. “Não sei o que os outros times estão dizendo, mas não nos preocupamos muito com isso”, frisou.
 
Na visão de Puig, a moto não é o único fator no caminho de um piloto ao título, já que o trabalho da equipe também influencia bastante.
 
“A performance top de um time não é só sobre a moto do piloto ― é completamente toda a estrutura”, apontou. “Cada um dos times tem seu próprio jeito para tentar fazer seu melhor. Se temos esses pilotos [campeões], temos esses pilotos e os outros times podem tentar pegá-los. Não acho que esse seja um ponto de vista crucial”, continuou.
 
“Eu só checo a história do campeonato e a Honda venceu muitos campeonatos com diferentes pilotos”, frisou. “Posso mencionar Rossi, Hayden, Marc, Casey. Então, acho que isso [de a Honda ser uma moto difícil] é só uma ideia, mas não um fato”, concluiu.
 


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.