MotoGP

Com presença maciça de pilotos, Jerez rebatiza circuito e inaugura busto em homenagem a Nieto

A quinta-feira (3) começou com uma série de homenagens a Ángel Nieto em Jerez de la Frontera. Em homenagem ao espanhol, o traçado andaluz foi rebatizado e também ganhou um busto do 13 vezes campeão no Mundial de Motovelocidade
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Homenagem a Ángel Nieto (Foto: Divulgação/Circuito de Jerez)

Ángel Nieto vai receber uma série de homenagens no GP da Espanha deste fim de semana. Nesta quinta-feira (3), aliás, o circuito de Jerez foi rebatizado em tributo ao 13 vezes campeão do Mundial de Motovelocidade, que também ganhou um busto em do espanhol.
 
Natural de Samora, na Espanha, Nieto morreu em agosto do ano passado depois de ser atingido por um carro quando andava de quadriciclo em Ibiza. Na queda, Ángel, que usava capacete no momento do acidente, bateu a cabeça.
Na presença de pilotos e dirigentes, Jerez inaugurou busto de Ángel Nieto (Foto: Divulgação/Circuito de Jerez)

Nesta quinta, ao 12h (7h de Brasília), os familiares de Ángel, acompanhados pela prefeita de Jerez, Mamen Sánchez; pelo secretário de Economia, Fazenda e Planos Especiais e vice-presidente da Cirjesa, Santiago Galván; pelo secretário de Sustentabilidade, Participação e Mobilidade, José Antonio Díaz; pela Secretária de Emprego, Recursos Humanos e Esportes, Laura Álvarez; por fãs e membros do paddock como Carmelo Ezpeleta, diretor-executivo da Dorna, acompanharam a apresentação do novo logo do circuito, que passa a se chamar Jerez-Ángel Nieto.
 
“Para o meu pai, Jerez era tudo no motociclismo. Um traçado brutal e com fãs incríveis”, disse Gelete Nieto, filho de Ángel. “Neste fim de semana, meu pai estará muito feliz, sorrindo lá do céu”, garantiu.
 
Pouco depois, pilotos como Dani Pedrosa, Marc Márquez, Álvaro Bautista, Tito Rabat, Jorge Lorenzo e Maverick Viñales, por exemplo, se juntaram à família de Nieto para a inauguração de um busto assinado por Agustín Estudillo.
Circuito foi rebatizado para Jerez-Ángel Nieto (Foto: Divulgação/Circuito de Jerez)
Uma réplica do busto, aliás, será entregue aos vencedores do GP da Espanha em cada uma das três categorias, junto com o tradicional cálice de Jerez.
 
“Têm corridas muito bonitas por todo o mundo e na Espanha, mas Jerez sempre será Jerez”, destacou Fonsi Nieto, sobrinho de Ángel.

QUEM É MAIS CULPADO?

PADDOCK GP DISCUTE BATIDA DE RICCIARDO E VERSTAPPEN EM BAKU